<
>

Dudu para sempre no Palmeiras? 'Se vier um Barcelona ou Real Madrid, vão penar para me tirar daqui'

play
Dudu fala sobre situação de Deyverson: 'Também já passei por essa fase no Palmeiras' (0:49)

O atacante lembrou de 2015, quando teve problemas de comportamento e chegou até a ficar suspenso (0:49)

Deixar o Palmeiras para atuar no futebol europeu não é algo que faz mais parte dos planos do atacante Dudu.

Satisfeito no clube alviverde, o ídolo de 27 anos garante que nem mesmo os milionários clubes da Espanha teriam facilidade para fazê-lo mudar de ares.

“Vou falar para você: se vier um Barcelona ou Real Madrid, vão ter que penar para me tirar do Palmeiras, porque tem tudo aqui", declarou o camisa 7, na última terça-feira, durante evento de inauguração do bar que abriu ao lado do atacante Rafael Marques, hoje no São Caetano, no bairro de Perdizes, em São Paulo.

"A gente sabe que são grandes clubes, mas eu também jogo em um grande clube no Brasil e estou feliz”, completou.

Contratado pelo Palmeiras em 2015, o atacante recebeu algumas propostas tentadoras do futebol chinês nas últimas temporadas.

Há menos de um mês, com status de ídolo da torcida, Dudu resolveu renovar com o clube alviverde até o final de 2023 e ganhou uma atualização salarial, menor do que poderia receber no país asiático.

“Graças a Deus, fiz meu trabalho bem no Palmeiras e pude firmar bons contratos. Eu e minha família somos felizes na cidade. A Malu [esposa do jogador] já está até pegando no meu pé, falando que, quando parar de jogar bola, quer continuar morando aqui”, contou Dudu.

Protagonista nos títulos da Copa do Brasil 2015 e do Campeonato Brasileiro 2016 e 2018, Dudu acumula 56 gols em 234 partidas com a camisa do Palmeiras.

Após uma passagem que não deixou saudades pelo Dynamo Kiev, da Ucrânia, ele valoriza a chance de seguir no futebol nacional.

“Muitos têm o sonho de jogar e fazer a vida na Europa. Acho que o jogador pode fazer sua vida aqui no Brasil também”, cravou o atacante palmeirense.

“Fico feliz pelo carinho que o torcedor tem comigo e espero continuar retribuindo isso tudo dentro de campo”, finalizou.