<
>

Palmeiras anuncia time feminino em parceria com Vinhedo-SP e finalmente atende a Conmebol

Jogadoras e comissão técnica da equipe feminina de Valinhos Divulgação

O Palmeiras anunciou nesta terça-feira que passará a ter um time feminino em parceria com a prefeitura de Vinhedo (cidade distante 84 km de São Paulo) - o plano havia sido antecipado pela ESPN em dezembro do ano passado.

A equipe alviverde contará com atletas que tiveram passagens pela seleção brasileira e será treinada pela experiente Ana Lúcia Gonçalves, técnica com licenças A, B e C da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) e com vasto histórico de revelar nomes para as seleções de base e principal.

Ex-Ponte Preta, Ana Lúcia é pós-graduada em fisiologia do exercício pela Unifesp e em treinamento desportivo pela Unicamp.

A parceria será oficializada nesta quarta-feira, em uma coletiva na Academia de Futebol com a presença de Alexandre Mattos, diretor do futebol profissional do Palmeiras, Alberto Simão, gerente do time feminino, Jaime Cruz, prefeito de Vinhedo, e a técnica Ana Lúcia Gonçalves.

A equipe inicia os treinamentos em breve e sediará seus jogos pelo Campeonato Paulista e pela Série A2 do Brasileiro no estádio Nelo Bracalente, em Vinhedo-SP.

Desta forma, o Verdão atende agora à exigência feita pela Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol), que ordenou que todo time que participar da Copa Libertadores deve ter também uma equipe feminina.

Histórico do futebol feminino do Palmeiras

O futebol de campo feminino do Palmeiras foi introduzido no ano de 1997, sendo o clube um dos pioneiros na prática e popularização do esporte. Desde então, o Verdão desenvolveu algumas parcerias com prefeituras de cidades paulistas, como São Bernardo do Campo (2005-2006), Salto (2008), Bauru (2012) e, atualmente, Vinhedo (2019).

A principal conquista da equipe feminina palmeirense foi o Campeonato Paulista de 2001, após vitória sobre a Matonense na decisão por 1 a 0. No ano anterior, o time bateu na trave no estadual diante da Portuguesa. A nível nacional, o Alviverde acumula um vice-campeonato brasileiro, em 1999.

Nomes como Maravilha, Tânia Maranhão, Elaine, Cidinha, Robertinha, Gisele Priscila, Sissi, Nilda, Formiga e Michele tiveram passagens destacada na equipe palmeirense e na seleção brasileira, além do técnico Filpo Nuñez, que também foi treinador da Primeira Academia do clube.

Conquistas

Vice-campeonato Brasileiro: 1999
Campeonato Paulista: 2001
Jogos Regionais: 2005, 2008 e 2010