<
>

Willian Arão jogará Fla-Flu com nome de Jorge Eduardo na camisa: 'Realização do seu sonho'

play
Diego conta como soube da tragédia, diz que pensou em sobrinho, da base do Flamengo, e relembra infância morando em clube (2:09)

Em entrevista coletiva, meio campista disse estar entrando em seu carro ao descobrir, e diz qual foi sua reação (2:09)

O Flamengo treina para a disputa da semifinal da Taça Guanabara, no clássico contra o Fluminense, na quinta-feira. Em meio à comoção pela tragédia da última sexta-feira, o meia Willian Arão revelou que fará uma homenagem a um dos 10 garotos que morreram no Ninho do Urubu.

“Nação, hoje fiquei sabendo do pedido que a mãe do Jorge Eduardo fez ao nosso presidente Rofolfo Landim, para que eu jogasse a semifinal com o nome dele em minha camisa. Fique emocionado e muito honrado por ser um ídolo pra (sic) ele. E vai ser com imenso prazer que vou prestar essa homenagem”, escreveu Arão em mensagem publicada em suas redes sociais.

Visualizar esta foto no Instagram.

❤️🙌🏽

Uma publicação compartilhada por willianarao (@willianarao) em

“No Fla x Flu, estarei em campo representando a realização do seu sonho. Levarei o nome dele nas costas nesse jogo, mas no coração para o resto da vida, assim como o dos outros vitimados que tinham o mesmo sonho”, completou.

Jorge Eduardo completaria 16 anos exatamente na quinta-feira, data da partida. Ele chegou ao Flamengo em 2016, aos 12 anos, e era um dos líderes e capitão da equipe campeã carioca sub-15 no ano passado.