<
>

Pablo Matos, morto no incêndio no Ninho do Urubu, era primo de jogadores do Vasco e da Ponte Preta

play
Ninho do Urubu: Cria da base do Flamengo, Djalminha se emociona ao falar sobre tragédia (1:19)

Ex-jogador teve dificuldades para segurar as emoções por ter vivido o mesmo sonho que as vítimas (1:19)

Pablo Henrique da Silva Matos, de 14 anos, foi uma das vítimas fatais no incêndio que atingiu o Ninho do Urubu, CT do Flamengo, na manhã desta sexta-feira, 8 de fevereiro.

O adolescente estava no sub-15 do clube rubro-negro desde o ano passado. O jogador também passou pelo Atlético-MG e no projeto Inter Academy, programa oficial da Inter de Milão, em Divinópolis, Minas Gerais, também em 2018.

Pablo era primo do zagueiro Werley, atualmente no Vasco da Gama, e Nathan, volante da Ponte Preta.

Em nota, a Ponte Preta manifestou-se sobre o ocorrido:

"A Ponte Preta confirma que, infelizmente, uma das vítimas da tragédia no Rio de Janeiro era de fato um primo do volante Nathan. O jogador está compreensivelmente entristecido e não falará à imprensa neste momento. Solicitamos a todos que compreendam e respeitem esta posição e reiteramos nossa solidariedade às famílias e amigos das vítimas e ao CR Flamengo".

Dez pessoas morreram no incêndio. Além de Pablo, foram confirmadas as mortes do atacante Vitor Isaías (14), do goleiro Christian Esmério (15), Samuel Thomas (15 anos, lateral-direito) e Jorge Eduardo (15 anos, volante).

Ainda há cinco nomes de vítimas não confirmados.