<
>

Palmeiras promete time feminino 'protagonista' e que 'dará orgulho'

O Palmeiras segue sem cumprir o regulamento da Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol), que ordena que todos os times que participam da Libertadores tenham também uma equipe feminina a partir de 2019.

No entanto, segundo o presidente em exercício do clube, Paulo Buosi, que está "dando as cartas" no Palestra Itália durante as férias de Maurício Galiotte, o time feminino do Verdão está próximo de se tornar realidade.

"Está tudo dentro do planejamento. O projeto do Palmeiras está sendo feito, nós teremos um time para atender o regulamento e também por desejo do Palmeiras em melhorar o futebol feminino, que tem crescido muito no Brasil", garantiu o dirigente, em entrevista à ESPN.

"O Palmeiras fica muito feliz de participar desse processo. A torcida palmeirense pode ficar tranquila, pois todo o processo de finalização e contratação está sendo encaminhado", acrescentou.

Segundo apurou a reportagem no final do ano passado, a preferência dos alviverdes era por uma parceria com a prefeitura de Valinhos, cidade distante 84 km de São Paulo e que possui uma equipe feminina mantida pela municipalidade.

À época, as conversas andavam para a parceria funcionar da seguinte forma: o clube do Palestra Itália bancaria salários das atletas e da comissão técnica, enquanto Valinhos forneceria campos de treinamento e estádio para disputa das partidas.

Também foi feito também contato com a técnica Ana Lúcia Gonçalves, considerada uma das melhores do país e que possui as licenças A, B e C da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) - ela trabalha desde 1996 no projeto.

Questionado sobre o tema, Buosi foi evasivo.

"Esse projeto eu ainda não posso falar, porque está em fase final de contratação. Mas teremos um time para atender as necessidades em relação ao regulamento e também para atender a necessidade que a gente entende que o futebol feminino merece no Brasil", salientou.

O cartola também prometeu um elenco forte, que dará "orgulho" aos torcedores alviverdes.

"Para a Libertadores, tudo o que precisa atender de regulamento o Palmeiras irá atender. E, como em todos os esportes que o Palmeiras participa, sempre com protagonismo e dando orgulho para a torcida palmeirense", bradou.

"Tudo está em parte de finalização. Dentro dos próximos dias nós teremos novidades", finalizou.