<
>

Coutinho na reserva do Barcelona ameaça crise, diz rádio espanhola

A fase de Philippe Coutinho no Barcelonanão é boa

Nos últimos seis jogos do clube, o meio campista brasileiro foi titular apenas em dois, vindo do banco de reservas em quatro deles. Contra o Levante, no último duelo, esteve nos 11 iniciais e marcou seu primeiro gol desde outubro - de pênalti. Entretanto, perdeu a bola 17 vezes durante os 90 minutos.

Segundo a rádio espanhola Cope, os agentes de Coutinho, Kia Joorabchian e Giuliano Bertolucci, foram ao clube pedir explicações dele não estar jogando. Jon Aspiazu, assistênte do Barcelona, disse que "Dembélé está um pouco na frente".

Ernesto Valverde, treinador da equipe, adicionou: "Se um jogador não está feliz, ele tem que lutar para reverter a situação".

O Barcelona volta à campo no domingo, contra o Eibar por LaLiga. Se Coutinho estará entre os titulares, ainda não sabemos. O técnico deu a entender que está procurando um jeito de encaixá-lo, mas ainda não encontrou. A pressão segue acontecendo; afinal, uma contratação de 160 milhões de euros ficar no banco sempre gera controvérsia.

Guillermo Amor, diretor de relações institucionais do Barcelona, garantiu que "Coutinho nos deu muito, nos dá muito e nos dará muito". Tentando afastar a polêmica, o cartola ainda disse que o brasileiro "tem muitos anos de contrato no clube para mostrar que é um dos melhores do mundo".