<
>

Portuguesa e Paraná não tiram o zero do placar. Apenas Lusa segue.

Encerrando o grupo 32 da Copa São Paulo de Juniores, a Portuguesa ficou no empate sem gols diante do Paraná Clube, no Estádio do Canindé, em São Paulo, e garantiu o primeiro lugar de seu grupo. A equipe paranista, por sua vez, está fora da competição, com apenas dois pontos somados em três partidas. O adversário da Lusa será o Nacional, em um clássico paulistano no mata-mata.

Com a equipe classificada antecipadamente, a Lusa entrou em campo com muitas modificações e sofreu pressão nos primeiros minutos. Aos quatro minutos, Matheus Silva apareceu para arrematar na área e o goleiro paulista fez grande defesa para salvar. A resposta veio aos 11 minutos, em cobrança de falta de Luca que o ataque da Portuguesa apareceu para desviar pela linha de fundo.

Lucas Sene partiu para jogada individual, aos 20 minutos, mas o chute saiu para fora. Já eliminado, o time do Tricolor da Vila se esforçava para deixar uma impressão melhor em sua despedida. O goleiro Matheus, da Lusa, salvava o time, como aos 30 minutos, parando cabeçada certeira de Warley. Aos 40 minutos, Rafael arrematou de longe e Matheus fez mais uma boa defesa.

No segundo tempo, a Lusa cresceu e, aos seis minutos, Rickson cobrou falta para boa defesa e Murilo. Aos sete minutos, Davi partiu para a jogada individual, invadiu a área e chutou pela linha de fundo. Aos 14 minutos, Davi teve mais uma oportunidade, e o chute passou raspando o poste. Os treinadores aproveitaram para queimar as alterações, seguindo com as observações. Aos 29 minutos, João Victor chutou cruzado e a bola acertou a trave antes de sair. Aos 40 minutos, Michael Jesus ainda perdeu mais uma chance para a Portuguesa, mas o zero não saiu do placar.