<
>

Técnico do Valencia detona belga emprestado pelo Chelsea: 'Teve chance mais clara em seis meses e nem chutou'

Após a derrota para o Sporting Gijón na primeira partida das oitavas de final da Copa do Rei, o técnico do Valencia, Marcelino García Toral, não poupou o atacante Michy Batshuayi. O belga, que está emprestado pelo Chelsea, foi substituído e, definitivamente, não agradou o treinador.

“Creio que temos que trazer jogadores de cima. Está claro que a paciência em alguns casos já se esgotou. No primeiro minuto poderíamos ter saído na frente”, disse Toral.

“Foi a chance mais clara que vi nos seis meses de competição e nem sequer chagamos a chutar no gol. Não é típico de um jogador da elite e do Valência”, completou.

As críticas não pararam por aí, já que ele justificou a substituição pelo rendimento. “Não faço trocas para insinuar nada. Faço as mudanças dependendo do rendimento que vejo. Do esforço, da intenção, do que vejo. Tento ser justo e a partir daí eu mudo”, afirmou.