<
>

Pai de Falcao García morre jogando tênis na Colômbia

play
Falcao García veste a camisa do River Plate para comemorar o tetracampeonato: 'É o maior de todos!' (0:24)

Atualmente no Monaco, o atacante colombiano jogou no time argentino entre 2005 e 2009 (0:24)

Morreu na noite desta quinta-feira Radamel Enrique García King, pai do atacante Falcao Garcia. Ele teve um desmaio repentino enquanto jogava uma partida de tênis e não resistiu.

García King ainda chegou a ser levado de ambulância para uma clínica em Santa Marta, mas não foi possível salvar sua vida. Ele tinha 61 anos.

O pai de Falcao também foi jogador profissional de futebol, tendo defendido diversos clubes colombianos, como o Junior Barranquilla, Independiente Santa Fé, Tolima e Independiente Medellín.

Defensor, o ex-jogador também representou a Colômbia nos Jogos Olímpicos de Moscou de 1980.

Faustino Asprilla, colombiano com passagem pelo futebol brasileiro, foi um dos que usou as redes sociais para se solidarizar com Falcao, atualmente no Monaco.

A Federação Colombiana de Futebol também enviou ao atacante “uma mensagem de solidariedade e força para e toda sua família”.