<
>

Real Madrid leva baile do CSKA na Champions em estreia de Vinicius Jr como titular

play
Real Madrid x CSKA Moscou: veja 20 momentos de Vinícius Júnior na derrota por 3 a 0 (0:35)

O atacante brasileiro finalmente estreou como titular pela Champions, mas não guardará boas lembranças desta quarta-feira. (0:35)

Vinicius Jr finalmente estreou como titular pela Uefa Champions League, mas não guardará boas lembranças desta quarta-feira. No Santiago Bernabéu, um time misto do Real Madrid perdeu por 3 a 0 para o CSKA Moscou pela última rodada da fase de grupos da competição.

A expectativa era grande pela atuação do ex-Flamengo, mas quem roubou a cena foi outro jovem. O atacante russo Fedor Chalov, de 20 anos, fez um golaço para abrir o placar e deu belo passe de calcanhar na construção do segundo, anotado por Schennikov. Outro destaque do duelo, Arnor Sigurdsson marcou o terceiro.

Menos pior para os comandados de Santiago Solari que a classificação para a fase seguinte e o primeiro lugar da chave já estavam garantidos. O resultado os deixa com 12 pontos, na liderança do Grupo G. Já os visitantes chegam a 7 tentos, mas não conseguem a terceira colocação – que dá vaga na Europa League – e terminam na lanterna.

A Roma, que perdeu para o Viktoria Plzen fora de casa por 2 a 1, conquistou a segunda posição com seus nove pontos e também avança. Os tchecos ficaram com sete tentos, em terceiro, superarando os russos no confronto direto.

A derrota em casa na fase de grupos foi a primeira dos ‘Blancos’ na competição desde 2009, nove anos atrás, quando o Milan triunfou em Madri por 3 a 2. No período, foram 24 vitórias e só 3 empates.

Pior que isso, levar 3 a 0 é o pior resultado da história do clube dentro do Bernabéu no maior torneio do Velho Continente.

Mas nem tudo foi negativo para Vinicius Jr: o brasileiro se tornou o terceiro mais jovem a começar um jogo de Champions League pela equipe merengue, com 18 anos e 152 dias. O recordista é Raúl, com 18 anos e 77 dias, seguido por Casillas, que foi titular com 18 anos e 117 dias.

Agora, o Real Madrid junta os cacos e volta suas atenções para o Rayo Vallecano, adversário de sábado no Santiago Bernabéu por LaLiga. Depois, a equipe viaja ao Oriente Médio para o Mundial de Clubes.

O CSKA, por sua vez, encerra sua temporada e só volta em março de 2019, no Campeonato Russo.

Show de Chalov

A partida começou com o Real Madrid tomando a iniciativa e dominando a posse de bola. Vinicius Jr criou boas jogadas pelo lado esquerdo e os donos da casa desperdiçaram vários gols.

Aos 22 minutos, o brasileiro entrou na área, deu dois dribles no marcador e chutou rasteiro, cruzado, obrigando Akinfeev a fazer grande defesa. Pouco depois, o camisa 28 iniciou outro lance que terminou com Asensio desperdiçando finalização de dentro da área.

E quem não faz, leva.

Mesmo com menos posse, o CSKA começou a dar estocadas e levar perigo quando o relógio passou dos 30 minutos. Aos 36, Arnor Sigurdsson fez bela jogada e tocou para o artilheiro Fedor Chalov. Ele dominou na entrada da área, conduziu a bola do pé direito para o esquerdo e colocou no ângulo, sem chances para Courtois: 1 a 0.

Aos 42, o prejuízo aumentou. Mário Fernandes tabelou com Chalov, que devolveu com lindo passe de calcanhar. O russo-brasileiro finalizou em cima do goleiro Belga, mas Schennikov aproveitou o rebote e ampliou.

E o 'baile' aumentou aos 27 minutos da segunda etapa. Vlasic girou dentro da área e rolou para Sigurdsson chutar no cantinho e fechar a conta.