<
>

Enquanto espera por PSG e Manchester United, Conte abre negociações para treinar a Roma

play
Fantasy: monte toda semana um time de 8 jogadores com os melhores do futebol internacional (0:30)

Você pode montar seu time da Premier League, da LaLiga ou da Uefa Champions League (0:30)

Desde que deixou o Chelsea, antes do início da atual temporada, Antonio Conte tem seu nome ventilado em todos os principais clubes do mundo que desejam trocar de técnico. Foi assim com o Real Madrid, que demitiu Julen Lopetegui, o Bayern de Munique , que está insatisfeito com Niko Kovac e também com o Manchester United e o Paris Saint-Germain, que não parecem tão convictos que José Mourinho e Thomas Tuchel são os treinadores ideais.

Porém, como os últimos três times ainda não demitiram seus atuais técnicos, Conte optou por esperar uma nova oportunidade.

E ela pode ter surgido. Isso porque a Roma parece disposta a apostar em Conte em substituição a Eusebio Di Francesco, que fez uma grande campanha na última temporada, mas que em 2018/2019 não repete o mesmo desempenho. Segundo a mídia italiana, o presidente do clube, Jim Pallotta, já teria até mesmo ordenado seus homens de confiança a entrar em contato com o técnico.

Aos 49 anos, Conte obteve sucesso nos três últimos trabalhos que fez como treinador. Na Juventus, ficou por três temporada e foi tricampeão italiano. Depois, assumiu a seleção da Itália, com quem fez uma grande Eurocopa em 2016 e, por último, foi para o Chelsea, onde venceu a Premier League e a Copa da Inglaterra.

Apesar disso, sua saída do clube inglês foi bastante polêmica, já que alguns jogadores reclamaram publicamente de seu trabalho e a equipe de Londres contratou Antonio Sarri antes mesmo de demití-lo. Por causa disso, Conte ainda trava uma batalha na justiça com a equipe.