<
>

Inter de Milão leva quatro da Atalanta e perde vice-liderança do Italiano

play
ESPN lança Fantasy de futebol internacional (0:30)

Você poderá montar seu time da Premier League da Inglaterra, da LaLiga da Espanha ou da Uefa Champions League (0:30)

Neste domingo, a Internazionale visitou a Atalanta pela rodada de número 12 do Campeonato Italiano. No Estádio Atleti Azzurri d’Italia, quem levou a melhor foram os donos da casa, que dominaram a partida no primeiro tempo e venceram o jogo por 4 a 1. Hateboer, Mancini, Djimsiti e Gómez fizeram para os vencedores, enquanto Mauro Icardi diminuiu.

O resultado é péssimo para o time nerazzurri, que também perdeu a vice-liderança da tabela e pode ver a distância para a líder Juventus chegar a nove pontos no fim da rodada. No momento, a Inter é a terceira colocada com 25 pontos ganhos. A equipe de Bérgamo, por sua vez, chega a 18 pontos e assume, ainda que provisoriamente, a sexta posição, entrando na zona de classificação às competições europeias.

Na próxima rodada, que ocorre só depois da data Fifa, os comandados de Luciano Spalletti encaram o Frosinone, já de volta a Milão, enquanto a Atalanta viaja para enfrentar o Empoli, fora de casa. Os jogos estão marcados para sábado e domingo, respectivamente, dias 24 e 25 de novembro.

Jogando diante de sua torcida, a Atalanta tratou de ir para cima da Inter desde o início. Aos cinco minutos, Hateboer teve boa chance de marcar, mas parou nas mãos de Handanovic. Aos nove, o holandês voltou a aparecer na frente e, desta vez, não desperdiçou. Gosens recebeu pela esquerda e cruzou à meia altura. A bola atravessou a área e chegou ao lateral direito, que só teve o trabalho de empurrar para dentro.

Mesmo com o gol, os donos da casa não mudaram a postura e continuaram agredindo o time visitante. Foram, no mínimo, mais duas boas oportunidades criadas, mas o segundo não saiu e o placar de 1 a 0 perdurou até o intervalo. Destaque para Handanovic, que evitou um revés ainda maior para os nerazzurri ainda no primeiro tempo.

A atuação dos comandados de Spalletti nos primeiros 45 minutos, por sinal, deixou bastante a desejar. Além de ver a Atalanta dominar a posse de bola, os milaneses pouquíssimo fizeram em termos ofensivos. O goleiro Berisha, inclusive, não foi exigido em nenhum momento.

Alegria que dura pouco

Na volta dos vestiários, a Inter partiu em busca do resultado e não demorou a igualar o marcador. Aos dois minutos, Mancini colocou a mão na bola dentro da área e o árbitro assinalou pênalti. Icardi foi para a cobrança e, com perfeição, venceu Berisha, que até acertou o canto mas não conseguiu fazer a defesa.

A Atalanta não se abateu com o empate e, quando parecia que o cenário da partida mudaria, voltou à tomar a dianteira do placar. Aos 17, Ilicic cobrou falta pela esquerda e levantou na área. Se redimindo do lance do pênalti, Mancini levou a melhor pelo alto e, de cabeça, recuperou a vantagem do time de Bérgamo.

Após o segundo tento dos donos da casa, o ritmo do jogo caiu. A Inter ensaiou uma pressão, mas não conseguiam furar o bloqueio defensivo do adversário. Diante da incompetência nerazzurri, coube aos donos da casa sacramentarem a vitória, que acabou virando goleada nos acréscimos.

Aos 43, Ilicic cobrou mais uma falta pela esquerda e, desta vez, quem completou para a rede foi Djimsiti, também de cabeça. Já era tarde, mas ainda sobrou tempo para mais um. Brozovic havia acabado de receber o segundo amarelo e ser expulso de campo quando, pela esquerda, Gómez carregou, encarou a marcação, limpou para a perna direita e emendou um chute de extrema categoria, na gaveta de Handanovic. Um golaço, para fechar com chave de ouro a merecida vitória da Atalanta neste domingo.