<
>

Sem Ibrahimovic, Milan quer Alexandre Pato de volta em janeiro, afirma imprensa italiana

O Milan está, sim, em busca de um novo atacante que possa chegar ao clube em janeiro. E os favoritos são bem conhecidos pelos torcedores: Zlatan Ibrahimovic e Alexandre Pato.

O grande problema é que Ibra, primeiro nome na lista, disse nos últimos dias que sua prioridade é o Los Angeles Galaxy e a nova temporada da Major League Soccer, que começa em março de 2019.

Assim, o nome de Pato voltou a circular pelos jornais italianos.

De acordo com o Corriere dello Sport, o Milan acredita que o brasileiro de 29 anos tem duas grandes vantagens sobre Ibrahimovic: sua integridade física e sua idade (o sueco tem 37).

O jornal também destaca que Pato jogará a última rodada do Chinês no próximo domingo, com o Tianjin Quanjian. Depois disso, poderia começar a negociar uma renovação de seu contrato com os chineses - o atual se encerram em dezembro de 2019.

Mas os contatos com Leonardo, atual dirigente do Milan e um dos responsáveis por sua contratação em 2007, já teriam começado e seguirão acontecendo nas próximas semanas.

Outra grande questão para o retorno de Pato é o preço. A multa rescisória pelo atacante é de 25 milhões de euros (R$ 106 mi), valor que o clube não pretende pagar. Além disso, ele recebe salário de cerca de 9 milhões de euros por ano (R$ 38 mi), mas estaria disposto a diminuir a pedida para assinar com o Milan.

A Gazetta dello Sport também noticia o interesse do clube italiano no brasileiro, dizendo que o nome do brasileiro "surgiu" mais uma vez.

A primeira passagem do jogador pelo Milan aconteceu quando ele ainda tinha 17 anos e foi comprado do Internacional por 24 milhões de euros (R$ 102 mi na cotação atual). Entre as temporadas 2007-08 e 2012-13, Pato fez 151 jogos e marcou 63 gols com a camisa do Milan antes de ser vendido para o Corinthians.