<
>

Bayern de Munique vence AEK na Champions, e Lewandowski passa Inzaghi na artilharia histórica

play
Bayern de Munique vence AEK Atenas na Champions; veja fotos (0:23)

Todos os gols saíram no segundo tempo: Javi Martínez, aos 15 minutos, e Lewandowski, aos 17, com assistência do brasileiro Rafinha (0:23)

Sai, crise! Nesta terça-feira, o Bayern de Munique bateu o AEK Atenas por 2 a 0 pela terceira rodada da Uefa Champions League, no Estádio Olímpico de Atenas, e voltou a conseguir uma sequência positiva na temporada.

Todos os gols saíram no segundo tempo: Javi Martínez, aos 15 minutos, e Lewandowski, aos 17, com assistência do brasileiro Rafinha.

Com o resultado, os comandados de Niko Kovac chegam a 7 pontos em 3 partidas, liderando o Grupo E. Às 16h, o Ajax enfrenta o Benfica pela mesma chave e também pode chegar aos 7 tentos. Os atenienses, por sua vez, seguem zerados e na lanterna.

A equipe alemã consegue sua segunda vitória seguida, uma vez que bateu o Wolfsburg no último sábado. Antes dessas partidas, porém, vinha de quatro jogos sem triunfo (2 empates e 2 derrotas), algo muito raro no clube bávaro, que se manteve invicto na história da Uefa contra adversários gregos.

O destaque fica por conta do centroavante polonês, que anotou seu 47º gol pela Champions League e passou o italiano Filippo Inzaghi, sendo agora o 9º maior artilheiro do campeonato em todos os tempos. Ele está a apenas um tento dos sétimos colocados, Zlatan Ibrahimovic e Andriy Shevchenko.

Agora, o Bayern volta a campo no próximo sábado, quando visitará o Mainz pela Bundesliga. Pela competição continental, a partida seguinte é contra o próprio AEK, em casa, no dia 7 de novembro.

Já os gregos atuam no domingo, contra o Aris, por sua liga nacional.

Dois gols em sequência

A primeira etapa teve o Bayern mandando na posse de bola, que ficou na casa dos 65%, e tendo mais finalizações: foram 7, contra 2 do AEK. Entretanto, a equipe alemã não conseguiu balançar as redes.

No início da segunda etapa, os gregos tiveram mais chances – e até uma tentativa de bicicleta de Klonaridis, após bola aérea. Mas foram os visitantes que abriram o placar, aos 15 minutos.

Hummels recebeu sozinho no lado esquerdo da área e rolou para Robben, que finalizou travado. Javi Martínez aproveitou o rebote e emendou um belo voleio, fazendo o 1 a 0.

Dois minutos depois, Gnabry fez boa jogada pela esquerda e serviu Rafinha, que foi à linha de fundo e cruzou para Lewandowski, sem goleiro, marcar o segundo, fechando o placar.