<
>

Real Madrid ofereceu R$ 130 milhões por Pedro e lesão atrapalhou negócio, diz jornal

play
Digão, do Fluminese, relembra promessa de ganhar uma ilha na Arábia e brinca: 'Não teria voltado' (1:07)

Jogador atuou pelo Al-Hilal (1:07)

Não fosse a contusão, Pedro poderia já estar no Real Madrid. Foi o que revelou o diretor de futebol do Fluminense, Paulo Angioni, em entrevista publicada nesta quinta-feira.

“Não foi concretizada por uma fatalidade. Com certeza daria uma tranquilidade financeira até o final do ano. Se ele não tivesse se lesionado, acredito que teria sido vendido”, disse ao Lance!

Convocado para a seleção brasileira e fazendo muitos gols pela equipe das Laranjeiras, o centroavante foi sondado por times como o Borussia Dortmund, o Monterrey e o Bordeaux. Nenhum deles, porém, alcançou os valores oferecidos pelo clube espanhol.

Ainda de acordo com a reportagem assinada por Luiza Sá e Marcello Neves, o Real chegou no valor pedido pelo Flu de 30 milhões de euros (cerca de R$ 131 milhões).

Entretanto, no dia 25 de agosto, em jogo diante do Cruzeiro no Mineirão, Pedro torceu o joelho direito e lesionou o ligamento. No momento, ele se recupera da cirurgia e não volta mais aos campos nesta temporada.