<
>

Robinho afirma que Real Madrid o impediu de jogar no Chelsea de Felipão

Robinho em partida quando jogava pelo Atlético Mineiro Getty Images

O atacante Robinho que defendeu o Real Madrid por três temporadas revelou que quase foi jogador do Chelsea, que na época era comandado por Luiz Felipe Scolari.

O jogador viu sua passagem pelo clube espanhol terminar quando o treinador Fabio Capello assumiu. O atleta, que atualmente atua no Sivasspor, da Turquia, relembrou sua passagem na Espanha.

“Tive oportunidades de jogar com todos meus técnicos no Real Madrid. Quando Capello chegou, por alguma razão, talvez a minha idade, ele me colocou no banco. Não pude me queixar, ele era o treinador e a decisão era sua. Contudo não estava feliz como reserva”, declarou em entrevista à revista FourFourTwo.

O jogador formado pelo Santos, cravou que “o orgulho do Real Madrid me fez jogar no Manchester City”, clube para o qual se transferiu em 2008.

“Meu objetivo era ir para o Chelsea. Felipão me disse que isso faria diferença para a equipe dele. Contudo o Real Madrid se irritou com eles. Não gostou que o Chelsea vendeu camisas com meu nome antes da concretização do acordo. Tenho certeza que foi isso fez as negociações fracassarem. Foi uma questão de orgulho para o Real. Além disso, o Chelsea jogava a Liga dos Campeões e o Manchester City não”.

Na atual temporada, Robinho disputou quatro partidas e não marcou nenhum gol. Em 2017/18, o atacante de 34 anos, que chegou na Turquia no começo deste ano, balançou as redes adversárias quatro vezes e de três assistências em 14 partidas.