<
>

Com dois gols de Lukaku, Manchester United vence Burnley e dá 'alívio' para Mourinho

Depois de perder dois jogos em sequência e ver a situação de Jose Mourinho ser bastante questionada, o Manchester United voltou a vencer na Premier League.

Fora de casa, contra o Burnley, o jogo parecia tranquilo graças aos dois gols de Lukaku ainda no primeiro tempo, mas a segunda etapa uma emoção que o torcedor de Old Trafford não esperava. Depois de um pênalti desperdiçado e um cartão vermelho, o time de Mourinho até chegou a se assustar, mas a vitória por 2 a 0 foi confirmada.

A vitória antes da pausa para a Data Fifa, somada a boa atuação. garante ao menos alguns dias mais tranquilos para o técnico português, que já fez críticas à diretoria e também entrou em rota de colisão com a imprensa.

Com os três pontos, o Manchester United chega aos seis e aparece na 10ª colocação, atrás do Arsenal apenas pelos critérios de desempate. Já o Burnley, com apenas um ponto, é o vice-lanterna, na 19º colocação com campanha melhor apenas que a do West Ham, que só perdeu.

ACABOU A PAZ

Os muros do Old Trafford não foram pichados após a derrota para o Tottenham, nem houve confusão no aeroporto, invasão ao CT, entre outras coisas. Mas a torcida também deu um jeito de passar sua mensagem para a diretoria.

Antes da bola rolar, um avião sobrevoou o Turf Moor com uma faixa endereçada ao vice-presidente executivo dos Red Devils. “Ed Woodward, um especialista em fracasso”, dizia.

EM CAMPO, LUKAKU RESOLVE

Se as críticas estavam (literalmente) no ar, em campo o time de Jose Mourinho não deu espaço para novos problemas. Lukaku resolveu o jogo com dois gols logo na primeira etapa.

O primeiro saiu aos 26, quando Lingard tocou para Alexis Sanchez cruzar na medida para o belga mandar de cabeça. Depois, aos 43, Sanchez deixou com Shaw que tocou para Lukaku. O camisa 9 fez o pivô e Lingard arriscou, mas a bola desviada reencontrou Lukaku no meio do caminho, e foi para a rede.

O goleiro Joe Hart até fez sua parte para tentar um domingo melhor para os donos da casa. Além de uma bela defesa no primeiro tempo, ele defendeu um pênalti mal cobrado por Pogba, depois de Rashford ter sido derrubado dentro da área.

A participação de Rashford, aliás, foi intensa. Após entrar em campo aos 15 minutos, no lugar de Alexis Sanchez, ele sofreu o pênalti aos 23 e, três minutos depois, foi expulso após tirar satisfação com Bardsley, cabeça com cabeça, ganhando um cartão vermelho direto.

Com os mandantes indo para frente, o United teve a chance no contra-ataque, e teve a chance do terceiro com Lukaku, mas o belga tentou fechar o hat-trick com um golaço e acabou atrapalhado pela marcação no último instante.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS

O futebol europeu para nos próximos dias, com a Data Fifa. Assim, serão duas semanas para que os times voltem a jogar.

O Manchester United, no dia 15, viaja para encarar o "100%" Watford, às 13h30 (de Brasília), enquanto o Burnley entrará em campo no dia seguinte, às 09h30, fora de casa contra o Wolverhampton.