<
>

Veja quanto o campeão da Champions ganhará e compare com a Libertadores e a Copa do Brasil

play
Champions League: Veja como estão formados todos os grupos da competição (1:34)

Real Madrid, agora sem Ronaldo, é o atua campeão do torneio (1:34)

Mais do que a taça mais cobiçada do futebol europeu, a Uefa Champions League oferece uma grande oportunidade para os clubes encherem o cofre de dinheiro.

No total, serão distribuídos nada menos do que 1,95 bilhão de euros, que são separados em quatro fatias.

25% como cota inicial – total: 488 milhões de euros

Cada um dos 32 participantes já recebe um valor inicial de 15,25 milhões de euros.

30% de acordo com o desempenho – total: 585 milhões de euros

Cada vitória na fase de grupos rende 2,7 milhões de euros aos participantes. Cada empate vale 900 mil euros.

A partir daí, os classificados às oitavas de final embolsam 9,5 milhões de euros; para as quartas, 10,5 milhões de euros; para as semis, 12 milhões de euros; para a final, 15 milhões de euros. Além disso, o campeão ganha mais 4 milhões de euros.

30% de acordo com o coeficiente– total: 585 milhões de euros

Um ranking levando em conta o desempenho nos últimos dez anos determina a posição de cada clube e o quanto cada um embolsa. O pior ranqueado fatura uma cota, que é de 1,108 milhão de euros, enquanto que o melhor ranqueado ganha 32 cotas, o que dá um total de 35,45 milhões de euros.

15% de acordo com questões de mercado – total: 288 milhões de euros

Essa quantia é distribuída tendo em vista valor de mercado na televisão de cada clube, o que define diferentes cotas.

Dessa forma, o campeão da Champions League irá embolsar, no mínimo 67,358 milhões de euros, oriundos dos valores por desempenho, da cota inicial e de pelo menos uma cota do coeficiente.

Mas o valor, na verdade, deve ser bem maior. Primeiramente, há os ganhos com vitórias e empates na fase de grupos. Em segundo lugar, normalmente o campeão é um time que está em uma posição alta no ranking de coeficiente da Uefa. Portanto, é pouco provável que ele tenha direito a apenas uma cota. Por fim, há os 15% de questões de mercado, que é repartido entre os clubes.

Para efeito comparativo, tomamos como base o valor mínimo de 67,358 milhões de euros (R$ 327,95 milhões na cotação) para o campeão da Champions. A quantia é cerca de sete vezes mais o que a Copa Libertadores paga ao seu vencedor.

O vencedor torneio sul-americano embolsa 6 milhões de dólares, o dobro da edição passada. Considerando os ganhos ao longo das outras fases, o campeão embolsará 10,85 milhões de dólares (R$ 45,36 milhões na cotação atual). É importante ressaltar que, caso o time que erga a taça da Libertadores tenha saído das fases preliminares, ele terá faturado ainda mais, por conta dos jogos que realizou antes do estágio de chaves.

O valor da Champions ainda é mais do que seis vezes maior do que o prêmio da Copa do Brasil, que dará R$ 50 milhões ao seu campeão, o que representa um aumento de 733,33% em relação à edição passada.