<
>

Borussia derrota Greuther Fürth no sufoco e escapa de eliminação na Copa da Alemanha

Pela primeira rodada da Copa da Alemanha, o Borussia Dortmund, amplo favorito, quase foi eliminado pelo Greuther Fürth, da segunda divisão alemã, mas com dois gols nos acréscimos, um no segundo tempo e outro na prorrogação, conseguiu a classificação graças a vitória por 2 a 1.

No primeiro tempo, o jogo começou muito lento com as duas equipes se arriscando pouco ao ataque. A equipe da elite alemã mantinha mais a posse de bola, mas não conseguia criar grandes chances de perigo e as poucas que criava paravam nas defesas do goleiro Sascha Burchert.

Mais ativos na marcação, os jogadores do Greuther Fürth acabavam cometendo mais faltas. No final da primeira etapa, Sebastian Ernst acabou chegando com mais força no lateral Marcel Schmelzer e levou um cartão amarelo.

O técnico do Borussia Lucien Favre, apesar da sua equipe não conseguir produzir como deveria, não fez nenhuma alteração no intervalo.

Na etapa final, a partida ficou um pouco mais aberta, com as duas equipes propondo mais o jogo, ainda com os visitantes mantendo a maior posse de bola e finalizando mais, apesar do Greuther escapar em diversos contra-ataques, que eram desperdiçados pela falta de qualidade dos atacantes.

Aos trinta minutos do segundo-tempo, uma bola morta foi alçada na área e atacante francês Daniel Keita-Ruel, recém contratado conseguiu cruzar para Sebastian Ernst. O meia alemão de 23 anos, revelado pelo Hannover 96, não teve dificuldades para abrir o placar com a zaga do Borussia toda desarrumada..

Com a desvantagem no placar, o time da primeira divisão foi com tudo para o ataque, mas desorganizado. Mesmo com a pressão do Borussia, o Fürth não se desesperava e conseguia segurar o resultado até os quatro minutos de acréscimo.

Contratado como um dos principais reforços do Borussia, o meia belga Alex Witsel que entrou na etapa final no lugar de Thomas Delaney, apareceu para evitar a eliminação no tempo regulamentar.

Em bola cruzada na área por Marco Reus, com vários jogadores dos visitantes na área, o recém chegado apareceu livre no segundo poste e empatou a partida, levando a decisão para a prorrogação.

Na segunda etapa da prorrogação, o mesmo cenário. A melhor chance, sem dúvidas, foi do Greuther. Lukas Gugganig saiu sozinho, cara a cara com o goleiro do Dortmund e na hora da finalização, Bürki realizou outro verdadeiro milagre.

Próximo do apito final, o time da Bundesliga aprontou de novo.Nos acréscimos, Sancho fez uma ótima jogada pela direita e apenas passou para Reus, sozinho, no meio da área bater para o gol e vencer de virada, garantindo a classificação para a próxima fase da Copa da Alemanha.

No fim de semana, o Borussia Dortmund precisa se recompor da prorrogação para fazer sua estreia na Bundesliga contra o RB Leipzig, neste domingo, em casa no Signal-Iduna-Park. Já Greuther Fürth encara Paderborn, neste sábado, pela terceira rodada da segunda divisão do Campeonato Alemão.