<
>

Manchester United sofre, mas vence Leicester na estreia da Premier League

Depois de uma conturbada pré-temporada, que teve reclamações públicas de José Mourinho pela falta de contratações, o Manchester United começou a Premier League com uma vitória suada.

Atuando em casa, no Old Trafford, os Red Devils bateram o Leicester por 2 a 1, nesta sexta-feira (10/08).

Foi o 18º triunfo do clube em estreias no Campeonato Inglês, um recorde entre os times que disputam a competição.

Em seu terceiro ano no comando do United, o técnico português entrou com uma equipe bastante modificada em relação à última temporada. Entre os titulares, as novidades foram o zagueiro sueco Lindelof, o meia brasileiro Andreas Pereira, que voltou de empréstimo do Valencia, além do volante Fred, contratado do Shakhar Donetsk.

Mourinho colocou Paul Pogba, que tinha seu nome ligado a uma possível transferência ao Barcelona, como capitão.

Romelu Lukaku começou no banco de reservas e entrou na vaga de Rashford aos 21 minutos na etapa final.

O Jogo

Os donos da casa abriram o placar logo no primeiro minuto. Daniel Amartey, do Leicester, colocou a mão na bola e o juiz marcou o pênalti. Pogba bateu com categoria no canto esquerdo alto do goleiro Kasper Schmeichel, que não alcançou a bola.

Foi o segundo gol de penalidade do francês com a camisa dos Red Devils, sendo que o primeiro foi anotado em outubro de 2016.

Depois disso, o Leicester passou a dominar a posse de bola e a levar perigo ao gol do United, que tentou escapar nos contra-ataques.

Aos 28 minutos, os visitantes quase empataram o placar, mas o Manchester foi salvo por De Gea. Depois de jogada dentro da área, o arqueiro espanhol fez uma excelente defesa em um chute cruzado.

Os Red Devils quase chegaram ao segundo gol na etapa final. Aos 19 minutos, Pogba puxou um rápido contra-ataque e Juan Mata finalizou com perigo, mas a bola não acertou o alvo.

Aos 30, De Gea apareceu mais uma vez. Depois de um vacilo de Lindelof, que foi desarmado no lado esquerdo da defesa, Maddison desviou cruzamento, mas o goleiro espanhol defendeu.

Lukaku perdeu uma ótima chances de ampliar o marcador, aos 32. Sánchez deu passe para o belga apenas finalizar. O camisa 9, mesmo com o gol aberto e sem marcação, chutou em cima de Schmeichel, que fez uma defesa incrível.

Aos 37, Luke Shaw marcou um gol contando com boa dose de sorte. Ele recebeu passe na esquerda, dominou a bola de forma errada, mas acertou um drible da vaca em Ricardo Pereira. O inglês levou a melhor e deu um chute colocado no lado esquerdo do goleiro dinamarquês.

Foi o primeiro gol do jogador como profissional em 134 partidas oficiais na carreira (sendo 104 delas na Premier League).

Aos 47 minutos, Vardy descontou. Após cruzamento dentro da área, a bola bateu na trave e sobrou para o matador, que empurrou de cabeça para dentro da meta de De Gea.

O atacante anotou um gol contra um time do "big 6" - Arsenal, Tottenham, Manchester United, Manchester City, Chelsea e Liverpool - novamente. Na última temporada , ele se tornou o primeiro jogador jogador a balançar as redes contra essas equipes uma única edição da Premier League.

No último lance da partida, Kasper Schmeichel quase empatou o jogo. Depois de cobrança de escanteio, o arqueiro desceu para a área e desviou de cabeça, levando perigo ao gol do United.

Agenda

O Manchester United voltará a campo pela segunda rodada da Premier League contra o Brighton & Hove Albion no The American Express Community Stadium, dia 19 de agosto (domingo), ao meio dia (de Brasília).

No dia anterior, o Leicester receberá o Wolverhampton no King Power Stadium, às 11h (de Brasília).