<
>

Guardiola está frustrado com negativa para brasileiro do City jogar Premier League

O técnico Pep Guardiola, do Manchester City, está frustrado com a Federação Inglesa de Futebol. O espanhol não se conforma com a negativa para que o volante brasileiro Douglas Luiz, de 20 anos, possa atuar na Premier League nesta temporada.

A revelação da negativa foi feita nesta sexta-feira (10) pelo técnico, que pretendia usar o volante que veio do Vasco no ano passado como reserva para o também brasileiro Fernandinho.

Douglas custou 13 milhões de euros (R$ 57 milhões) ao clube inglês.

Guardiola chegou a se oferecer para ir pessoalmente à FA para explicar a importância do jogador para o City e enviou um vídeo, segundo o jornal inglês The Independent. Ainda segundo a publicação, o técnico da seleção brasileira Tite também enviou um vídeo. E o coordenador Edu, também da CBF, enviou um relatório positivo sobre o atleta.

A participação dos funcionários da CBF na tentativa se deve ao fato de que os jogadores precisam ter um patamar mínimo de partidas na seleção nacional para poder ter autorização a jogar nas competições inglesas.

Para seleções até o décimo lugar no ranking da Fifa, como é o caso do Brasil, o jogador deve ter disputado até 30% dos jogos nos últimos 12 meses.

"Eu não sei se ele não é alto o suficiente ou se o preço não foi adequado, mas o fato é que ele não pode jogar. Não entendo. Eu acredito que todos deveriam ter o direito de trabalhar onde quiserem", disse ele.

"Estamos na Inglaterra, tenho de respeitar, mas não entendo", acrescentou.

Com a negativa, Douglas deve ser emprestado novamente. Na última temporada, ele jogou jogou pelo Girona, da Espanha.