<
>

Ronaldo em números: recordes no Real, o que a Juve pode esperar e fim de rivalidade com Messi

Os nomes "Cristiano Ronaldo" e "Real Madrid" pareciam andar juntos. Sempre. Para sempre.

Mas foi em 10 de julho de 2018 que tudo mudou. O clube espanhol anunciou o que todo torcedor merengue temia: o craque português estava de saída.

O destino era o que todos já haviam ouvido nos últimos dias, a Juventus. Festa em Turim, "Ronaldomania" na Itália.

Mesmo com a separação, Ronaldo e Real jamais estarão separados. Os nomes estarão eternamente conectados. Os números estão aí para mostrar a grandiosidade do casamento. As estatísticas deixam claro que a dupla, mesmo longe, distante, rival até, será sempre e para sempre inseparável.

Abaixo, veja os números de Ronaldo no Santiago Bernabéu, o que a Juventus pode esperar de seu novo craque, o efeito no mercado da bola de uma negociação desse tamanho e o fim da rivalidade Messi x Ronaldo, pelo menos com as camisas de Barcelona e Real,

Ronaldo no Real em números

Cristiano Ronaldo chegou ao Real Madrid no meio de 2009, contratado do Manchester United. Ele deixa o clube com números invejáveis e, para muitos, imbatíveis.


O que a Juventus espera

O que Ronaldo vai levar para a Juventus, que já domina o Campeonato Italiano? O DNA da Champions League. Desde que Ronaldo chegou ao time espanhol, em 2009, ele marcou 105 gols na competição continental. Nesse período, apenas seis times fizeram mais gols.

Cristiano Ronaldo liderou - sozinho ou acompanhado - a tabela de artilheiros da Champions em todas as últimas seis temporadas.

Ronaldo fez 10 gols contra a Juventus na Champions, a maior vítima de um único jogador em toda a história do torneio.


A Juventus nacional

A Juve tem sido o time mais dominante da Itália nos últimos anos, conquistando 7 títulos consecutivos da Série A, a maior sequência entre as cinco principais ligas da Europa.


A Juventus europeia

Mas o grande problema da Juventus tem sido sua inabilidade de conquistar o maior prêmio da Europa: a Champions League. Ronaldo e Real Madrid interromperam os sonhos do time italiano nas duas últimas edições, na decisão de 2017, com dois gols do português, e na semi de 2018, com o golaço antológico de bicicleta.


Quanto vale o show?

A contratação de Ronaldo é a mais cara da história da Juventus, superando o valor desembolsado há dois anos para tirar Gonzalo Higuaín do Napoli. Por outro lado, é a venda mais cara do Real Madrid, batendo a ida de Álvaro Morata para o Chelsea por 80 milhões de euros em 2017.

Em 65 anos de história da Série A, apenas 10 temporadas tiveram artilheiros com mais de 30 gols. O último jogador da Juventus a aparecer nessa lista foi Felice Borel, em 1933-34. Ronaldo tem 7 temporadas com 30 gols ou mais na carreira, sendo 6 no Real Madrid e 1 no Manchester United.


E o Real Madrid?

O que a saída de Ronaldo significa para o Real Madrid? O clube terá que encontrar alguém para substituir o artilheiro, já que o português tem mais gols em LaLiga do que quatro de seus companheiros de time combinados.

Ronaldo não deve ser a única movimentação no elenco do Real para a próxima temporada. Ao que parece, a ideia do presidente Florentino Pérez e do técnico Julen Lopetegui é rejuvenescer o time, que conta com alguns jogadores ou perto ou com mais de 30 anos, como Gareth Bale (29 no começo da temporada), Marcelo (30), Karim Benzema (30), Luka Modric (32) e Sergio Ramos (32).


Efeito CR7 no mercado?


Fim da Era Messi x Ronaldo

A ida de Ronaldo para a Juventus marca o fim da era Ronaldo x Messi nos arquirrivais Real Madrid x Barcelona. O argentino é o maior artilheiro de El Clasico com 26 goals, 8 a mais que o português. No entanto, desde que Ronaldo chegou ao time merengue, a briga entre os clubes ficou apertada.


*Com dados do SIG, ESPN Stats & Info Group