<
>

Culpa do colchão? O que é espasmo nas costas, a lesão que tirou Marcelo do jogo do Brasil

play
Djalminha minimiza ausência de Marcelo e aposta em 'equilíbrio' com Filipe Luís: 'Não me preocupa nem um pouco' (0:57)

Ex-meia acreditou que lateral do Atlético de Madrid 'dá conta do recado' (0:57)

O lateral esquerdo Marcelo assustou a torcida ainda no primeiro tempo da vitória sobre a Sérvia, por 2 a 0, nesta quinta-feira, resultado que colocou o Brasil nas oitavas de final da Copa do Mundo da Rússia. Logo aos 10min, o jogador reclamou de dores musculares e foi substituído por Filipe Luís, com dificuldades até para sair de campo.

"Marcelo teve um espasmo na musculatura estabilizadora da coluna, mas já melhorou, já começamos a fazer trabalho de fisioterapia. Ele já foi medicado e se apresenta melhor agora. O início foi bom, ele já respondeu muito bem à medicação. A expectativa dele é boa, mas precisa esperar um pouco mais, ver as próximas 24h, 48h, para ver como ele responde", disse o médico da seleção brasileira, Rodrigo Lasmar, depois da partida.

Mas, afinal, o que é a lesão de Marcelo? "Espasmo nas costas é uma contração do músculo, no caso perto da região lombar, que é onde ele sentiu a dor, por conta de qualquer tipo de movimento ou forçado ou um movimento diferente do que ele está habituado ou um movimento brusco", disse a médica Cássia Maria Costa, à ESPN.

"O músculo pode estar cansado, extenuado, ou a pessoa dormiu de mal jeito ou em uma cama diferente, e a musculatura, para proteger a coluna, contrai e não consegue voltar e relaxar, por que o músculo contrai e relaxa, contrai e relaxa. Pode até pinçar o nervo. A dor é forte e pode até atrapalhar a pessoa a fazer movimentos básicos, como ficar em pé e andar", completou a médica.

Colchão do hotel?

Lasmar explicou que esse tipo de lesão muscular não é novidade na carreira de Marcelo.

"Ele tem o histórico de ter tido isso no passado. Pode ser até o colchão do hotel, que era um pouco mais macio do que o normal. Foi um lance de jogo, um movimento de rotação que ele fez e teve situação desconfortável, não conseguiu continuar por que a musculatura ficou travada."

E contra o México?

O Brasil volta a campo na segunda-feira, às 11h (de Brasília), contra o México, pelas oitavas de final do Mundial. Marcelo estará em campo?

"A princípio não é nada grave, tem que esperar a questão da dor. É possível voltar nas oitavas de final. Estou otimista, é claro que tem pouco tempo de evolução, precisamos um pouquinho mais. Mas a primeira avaliação foi positiva."

Além de Marcelo, o técnico Tite tem mais dois problemas médicos. O lateral Danilo, que sentiu na estreia contra a Suíça, e o atacante Douglas Costas, que se lesionou contra a Costa Rica.

"Os dois estão evoluindo bem, o Danilo um pouco mais avançado, já começou a fazer trabalho com bola hoje, vamos reavaliá-lo em Sochi para ter uma ideia melhor de como vai ser evolução, mas estamos otimistas para o próximo jogo. O Douglas vamos aguardar em Sochi para avaliar", completou.