<
>

Guerrero resolve, Peru vence a primeira em Copas após 40 anos e deixa a Austrália na lanterna

Demorou 40 anos, mas o Peru voltou a vencer um jogo pela Copa do Mundo. Pela última rodada do grupo C, a equipe sul-americana passou pela Austrália por 2 a 0, terminando na terceira colocação da chave e deixando o adversário na lanterna.

Guerrero foi o nome do jogo, dando assistência para Carrillo abrir o placar e marcando o segundo após passe de Cueva.

A última participação peruana em mundiais antes da Rússia ocorreu em 1982, mas a seleção não venceu jogos nesta edição. Com isso, a última vitória havia ocorrido em 1978, na Argentina.

A equipe de Guerrero termina com três pontos, já que havia perdido para Dinamarca e França. Já os australianos deixam a Copa sem uma vitória sequer, já que perderam para os franceses e empataram com os dinamarqueses.

Belo gol de Carrillo

O primeiro tempo foi equilibrado. A Austrália atuava com a bola no campo de ataque, enquanto o Peru apostava em esticadas em velocidade. Em uma delas, aos 17 minutos, Guerrero foi lançado pelo lado esquerdo e deu bela assistência para Carrillo pegar de primeira, no alto, sem chances para o goleiro Ryan.

A Austrália criava suas principais chances com Rogic, meia-atacante do Celtic. Aos 26 minutos, ele fez grande lance individual, enfileirou alguns adversários e parou no goleiro Gallese.

Tabela ‘brasileira’

Aos quatro minutos do segundo tempo, o Peru ampliou com uma jogada de atletas que atuam no Brasil. Cueva, ainda jogador do São Paulo, avançou pela esquerda com habilidade e deu assistência para Guerrero, do Flamengo, que pegou de esquerda e ampliou.

A Austrália então partiu desesperadamente para o ataque e colocou em campo o veterano Cahill (38 anos) e o jovem Arzani (19 anos), que assustou em chute de fora da área. Não houve força, contudo, para igualar o placar, e então os australiano finalizaram o Mundial na lanterna.