<
>

Griezmann arrebenta, Atlético bate Olympique e conquista Europa League pela 3ª vez

O possível adeus de Antoine Griezmann, que deve ir ao Barcelona no final da temporada, foi para deixar uma enorme saudade nos torcedores do Atlético de Madrid. O atacante francês marcou duas vezes na vitória colchonera por 3 a 0 sobre o Olympique de Marselha, que decretou o título da Europa League.

A decisão foi realizada no estádio Parc Olympique Lyonnais, na França, nesta quarta-feira (16/05).

Foi a terceira conquista do time espanhol (as outras duas foram em 2010 e 2012), que se garantiu na próxima edição da Uefa Champions League. Com isso, a vaga direta para a Liga dos Campeões foi para o terceiro colocado no Campeonato Francês (atualmente o Lyon).

SIMEONE DE FORA

Diego Simeone faturou seu sexto título à frente da equipe colchonera. Desde 2011, ele conquistou Campeonato Espanhol, Copa do Rei, Europa League, Supercopa da Uefa e chegou a duas finais de Uefa Champions League (ambas perdidas para o Real Madrid depois do tempo normal).

Suspenso da decisão, Cholo deu lugar a Germán Burgos, seu auxiliar técnico e amigo de longa data, que comandou o Atlético de Madrid no banco de reservas. O treinador argentino só conseguiu falar com seus jogadores após o apito final.

'MALDIÇÃO' DE PAYET

Aos mais supersticiosos, Dimitri Payet fez algo inaceitável. Antes de a bola rolar, o meia deu uma passadinha com a mão na taça da Liga Europa quando entrou no gramado junto com os outros jogadores perfilados. O jogador francês acabou se machucando e precisou ser substituído aos 31 minutos da primeira etapa. Ele foi para o banco de reservas e chorou bastante.

GRIEZMANN SÓ NÃO FEZ CHOVER

Os franceses tiveram a chance de abrirem o placar logo aos três minutos do primeiro tempo. Payet tabelou pela intermediária e deixou Germain livre na pequena área. De frente para Oblak, porém, ele chutou para fora do gol.

O castigo do Olympique de Marselha viria aos 20 minutos. O goleiro Mandanda, saiu jogando com Anguissa, que errou o domínio e entregou a bola para Gabi. O jogador do Atlético de Madrid deu passe para Griezmann, que entrou livre na área e finalizou com categoria.

O segundo gol do atacante saiu aos três minutos do segundo tempo. O Atlético saiu em velocidade e Koke deu passe preciso para o atacante, que deu uma cavadinha na saída do arqueiro. Foi o sexto gol do jogador em oito jogos na competição.

O Olympique ainda teve a chance de descontar. Aos 35, Mitroglou aproveitou cruzamento pela direita e levou a melhor sobre a defesa colchonera. Ele finalizou fora do alcance de Oblak, mas a bola parou na trave direita do arqueiro.

O gol que decretou o título do Atlético de Madrid aconteceu aos 43 minutos do segundo tempo. Gabi acertou belo chute cruzado no fundo das redes de Mandanda.

FICHA TÉCNICA
OLYMPIQUE DE MARSELHA-FRA 0 X 3 ATLÉTICO DE MADRID-ESP

Local: Parc Olympique Lyonnais, em Lyon (França)
Data: 16 de maio de 2018 (Quarta-feira)
Horário: 15h45 (de Brasília)

Árbitro: Björn Kuipers (Holanda)
Cartões amarelos: Amavi, Luiz Gustavo e N’Jie (Olympique de Marselha) Sime Vrsaljko e Lucas Hernández (Atlético de Madrid)
Cartão vermelho: não teve

GOLS: ATLÉTICO DE MADRID: Griezmann, aos 20 minutos do primeiro tempo e aos três da segunda etapa, Gabi, aos 43 do segundo tempo

OLYMPIQUE DE MARSELHA: Steve Mandanda, Bouna Sarr, Adil Rami, Luiz Gustavo e Jordan Amavi; Anguissa, Maxime Sanson, Florian Thauvin, Dimitri Payet (Maxime López) e Lucas Ocampos (N’Jie); Germain Germain (Mitroglou)
Técnico: Rudi Garcia

ATLÉTICO DE MADRID: Jan Oblak, Sime Vrsaljko (Juanfran), José Gimenez, Diego Godín e Lucas Hernández; Koke, Saúl Ñíguez, Gabi, Ángel Correa (Thomas Partey); Antoine Griezmann (Fernando Torres) e Diego Costa
Técnico: Germán Burgos (Diego Simeone estava suspenso)