<
>

Nacional-URU vence a primeira e fica só atrás do Santos na Libertadores

Getty

Enfim o Nacional conquistou sua primeira vitória nessa edição da Copa Libertadores da América. Na noite dessa quarta-feira, a equipe uruguaia desencantou nos minutos finais e sacramentou uma goleada em cima do Real Garcilaso por 4 a 0, no estádio Gran Parque Central, em Montevidéu.

Dessa forma, a tradicional equipe sul-americana chega aos cinco pontos e assume a vice-liderança do grupo 6, atrás apenas do Santos, que soma nove e segue a todo vapor para confirmar sua classificação de forma antecipada.

Estudiantes e os peruanos do Garcilaso, estacionados com quatro pontos, são os últimos agora, com vantagem para os argentinos no critério de desempate.

O resultado dessa quarta coloca pimenta na próxima rodada, quando o Nacional terá justamente o Santos pela frente. O confronto está marcado para o dia 1º de maio, na casa dos uruguaios, às 21h30 (horário de Brasília). No mesmo dia, mas às 1915, Real Garcilaso e Estudiantes também fazem confronto direto no Peru.

Depois de um jogo ruim tecnicamente, de muita disputa e poucos lances de perigo, o time da casa conseguiu um gol nos minutos finais do primeiro tempo graças a Sebástian Rodríguez.

A desvantagem acabou abrindo o time peruano, que sofreu o castigo pela falta de eficiência na parte final do jogo. Aos 36 do segundo tempo, Corujo ampliou para o Nacional. Barcia levou a torcida à loucura com outro gol aos 41 e Bergessio confirmou a goleada aos 43.

Em outro jogo disputado nesta quarta, o Atlético Tucumán assumiu a segunda colocação do grupo 3, ao vencer o The Strongest por 3 a 0, na Argentina.

A equipe agora está com seis pontos, três a menos que o Libertad, do Paraguai, e três a mais que a equipe boliviana e o Peñarol.

O atacante Leandro Diaz, o meia Gervasio Núñez, ex-Botafogo, e o atacante Luis Rodríguez anotaram os gols da equipe da casa.