<
>

Um Fórmula 1 estacionado na sua casa? O grande gesto da Mercedes com um menino nos últimos dias de vida

play
Cabrini diz que Senna jamais cogitou não correr o GP de San Marino e descarta 'premonição' (1:38)

O jornalista contou que o ídolo brasileiro estava muito contrariado e chegou até a chorar no encontro dos pilotos antes da corrida. (1:38)

Na última segunda-feira (13), o piloto de Fórmula 1 Lewis Hamilton proporcionou alguns sorrisos para o pequeno Harry Shaw, de cinco anos. O menino, que vive no condado de Surrey, na Inglaterra, sofre de um raro câncer nos ossos, e está em fase terminal da doença.

Hamilton dedicou a Harry sua vitória no GP da Espanha, no último domingo e, em um gesto grandioso, a Mercedes-Benz, equipe do piloto na Fórmula 1, agiu rapidamente e estacionou um de seus carros em frente à casa do menino.

No colo de seu pai James, Harry pôde ver o carro de perto, acompanhado de um funcionário da Mercedes. Por conta do avanço de sua doença, foi a primeira vez que o menino saiu de casa nas últimas três semanas.

Além de ter o carro estacionado em sua casa, Harry ganhou de presente o troféu da vitória de Hamilton e um par de luvas de corrida do piloto. “Eu não posso descrever o quanto significa para nós o fato de Hamilton ter vencido a corrida para o Harry e dedicado a ele”, declarou James Shaw, o pai de Harry, ao jornal inglês Mirror.

James também destacou a felicidade do pequeno Harry por conta de um vídeo enviado por Hamilton. “Harry não podia acreditar que Hamilton estava falando sobre ele e dedicou a corrida a ele. Ele agora acha que o Lewis é seu melhor amigo, o que, para um menino de cinco anos, é sensacional”, completou.

Apesar de Mercedes não querer tornar pública a ação realizada com Harry, os pais dele, James e Charlotte, têm interesse em falar sobre a situação do filho para levantar fundos para pesquisas sobre o Sarcoma de Ewing, como é chamado o tipo de câncer do menino. O perfil deles em uma plataforma de doações já atingiu a marca das 20 mil libras esterlinas, depois do gesto de Hamilton. Antes da ação, eles tinham arrecadado 2 mil libras.