<
>

Frustrado, Vettel se rende à Mercedes nos primeiros treinos da temporada

Atual bicampeão da Fórmula 1, Lewis Hamilton começou a nova temporada mostrando que, de fato, não está para brincadeira. Nesta sexta-feira, o britânico da Mercedes liderou com certa tranquilidade os dois primeiros treinos livres oficiais do ano, já válidos pelo Grande Prêmio da Austrália, em Melbourne, algo que deixou Sebastian Vettel, seu principal concorrente ao título mundial, visivelmente incomodado.

“Eu acho que eles estavam em uma competição própria. Parecem muito fortes e certamente muito mais fortes do que afirmavam antes do fim de semana”, disse o alemão da Ferrari, que, apesar de ter terminado o primeiro teste com o segundo melhor tempo, ficou apenas com a quinta melhor marca do segundo. O motivo da queda de rendimento, porém, ele diz não saber ao certo.

“Não sabemos as razões, mas estamos investigando. Se você souber, avise-nos. Posso sentir que tenho o mesmo carro que tinha em testes, mas ele não faz as mesmas coisas. Não está fazendo exatamente o que eu gosto aqui e ali, e por isso não tenho confiança. Não foi horrível, houve pontos realmente muito bons, e nós podemos recuperar”, completou.

Os motores voltam a roncar no autódromo de Melbourne a partir das 00h (de Brasília) deste sábado, quando os pilotos realizarão o terceiro treino livre do final de semana e Vettel terá a chance de alcançar seu maior rival. A definição do grid de largada está marcada para as 3h. A corrida, por sua vez, acontece no domingo, a partir das 2h10.