<
>

Quem é o garoto que comoveu Lewis Hamilton no Grande Prêmio do Brasil de Fórmula 1

play
Carro de Rubinho Barrichello 'morre' na primeira tentativa e precisa de ajuda para voltar aos boxes em Porto Alegre (1:47)

Piloto brasileiro participou de evento promovido pela Fórmula 1 no Rio Grande do Sul (1:47)

Pentacampeão Mundial de Fórmula 1, Lewis Hamilton fez a alegria de muitos fãs brasileiros no Autódromo de Interlagos no último fim de semana com sua vitória no Grande Prêmio do Brasil. Mas um torcedor especificamente foi mais feliz do que os outros.

O jovem Carlos Eduardo, de apenas 10 anos de idade, foi com a família ver os treinos do GP neste fim de semana. Com passagem pelo paddock, os pais do garoto apenas o queriam deixar mais próximo da paixão do filho, que é ver esportes, e apenas ver, mesmo que de longe, o ídolo Lewis Hamilton.

Cadu tem paralisia cerebral, que afeta sua coordenação motora ao andar, algo similar ao que Nicholas, irmão de Lewis Hamilton, convive desde a infância.

Bastou um olhar do pentacampeão para chamar a atenção por Cadu, como a família chama o garoto. E Hamilton convidou todos para conhecer sua garagem em Interlagos e até postou foto com o menino no Instagram.

“Na noite passada vi esta criança fora da minha garagem e a convidei para que eu pudesse conhecê-la. Ele tem paralisia cerebral, algo que eu convivi com meu irmão. Não acho que tenha recebido um abraço tão forte de alguém. Fez meu dia conhecê-lo. Há tantos bons espíritos lá fora lutando por suas próprias batalhas, de um jeito ou de outro. Continue lutando, continue acreditando em você mesmo e que você vai evoluir. Mandando energia positiva”.

“Foi muito emocionante”, disse Cadu, ao ESPN.com.br, sobre o encontro com seu ídolo

“O Hamilton perguntou o que era o tratamento, o que ele fazia. Perguntou onde a gente morava”, contou Andreia, mãe de Cadu.

“A deficiência dele... ele é um professor para nós. A (filha) do meio sempre reclama de alguma coisa e ele é a calmaria, está sempre sorrindo, positivo, do bem. Ele tem uma coisa cativante”, completou Andreia.

Hamilton havia prometido ao garoto que em caso de vitória levaria ele ao pódio. E o piloto cumpriu, com Cadu encontrando o inglês atrás do pódio após a festa do champagne.

Cadu não é estranho ao mundo dos esportes. Corintiano fanático, ele já entrou em campo em diversas ocasiões com os jogadores do alvinegro paulista.

Mas o fim de semana em Interlagos foi especial, já que Lewis Hamilton é seu ídolo internacional. Segundo a mãe de Cadu, ele ainda tem esperança de que poderá algum dia andar normalmente. E uma nova cirurgia está marcada para janeiro.

E o sonho do garoto?

“Está sendo realizado agora”, brincou Carlos, seu pai, se referindo ao encontro com Hamilton.