<
>

De saída da CNB, Yampi acerta com ProGaming; TitaN rumo à Red Canids

Yampi foi uma das descobertas da CNB na seletiva Preparando Campeões. Riot Games

Com o fim da primeira etapa das ligas regionais brasileiras, a janela de transferências volta a movimentar o cenário de LoL nacional. Uma dessas mudanças é a saída do caçador Yampi do time do CNB, onde esteve desde dezembro de 2017, rumo à ProGaming Esports.

De acordo com fontes ligadas ao ESPN Esports Brasil, o caçador passou por testes na ProGaming e acertou com a equipe do Circuito Desafiante. Yampi teria pedido para ser negociado, e recebeu uma série de propostas — entre elas, a da PRG. Procurada pela reportagem, a ProGaming afirmou que não comentará transferências. O CNB também não forneceu declarações oficiais.

Atualização: CNB e ProGaming confirmaram neste sábado (4), em suas redes sociais, a saída de Yampi da equipe Blumer para a PRG.

O “Ourinhos Boy” assumirá a posição que foi compartilhada por Leozuxo e Lima durante a temporada 2019. Yampi foi titular do CNB durante o primeiro split do CBLoL 2019, e dividiu a posição com o atual técnico Turtle durante 2018, chegando às semifinais nas três etapas. Ainda não há informações sobre quem assumirá o lugar de Yampi na escalação do CNB.

TITAN NA RED CANIDS

A reportagem do ESPN Esports Brasil apurou também que a Red Canids negocia com a KaBuM a contratação do atirador Titan, bicampeão brasileiro pelos ninjas na temporada 2018.

O SporTV também apura o caso, tendo publicado nessa sexta-feira (3) a negociação de TitaN com a Red. Procurada pela redação do ESPN Esports Brasil, a Red Canids afirmou que não comenta transferências de jogadores. Até o momento de publicação desta matéria, a KaBuM não havia respondido à reportagem.

Caso a contratação aconteça, a saída de TitaN colocará um ponto final na história do atirador com a KaBuM, equipe que defende desde 2016. O jogador esteve presente nos últimos momentos marcantes da organização: a queda para o Circuito Desafiante e o bicampeonato do CBLoL, conquistado na última temporada.

Já Sacy e a Red Canids estão num relacionamento de longa data. O atirador fez parte da INTZ Red, equipe que deu origem a Matilha após a INTZ ser obrigada, pelas regras do CBLoL, a se desfazer de uma das formações que possuía na época. Junto ao time, o “vovô” venceu a primeira etapa 2017 da liga nacional e foi rebaixado na segunda etapa de 2018.