<
>

Brasileiros repercutem mudança de formato no torneio de PES 2019 no WESG

FMestre12 e alemao_pesbr, representantes brasileiros no torneio de PES 2019 do WESG Daniela Rigon/ESPN Esports Brasil

O World Electronic Sports Games, a “olimpíada de esports”, também tem sua disputa com simuladores de futebol. O torneio de Pro Evolution Soccer 2019 na WESG, que está em andamento na cidade de Chongqing, China, conta com dois representantes brasileiros: FMestre12, atleta do Corinthians, e alemao_pesbr, do EligaSul Stars.

Os jogadores competiram nesta terça-feira, ambos no grupo A. Somente alemao_pesbr conseguiu a classificação, ficando em segundo. Os dois atletas conversaram com o ESPN Esports Brasil sobre sua participação no WESG e a mudança de regra do torneio pouco antes da disputa.

O CLASSIFICADO

O atleta alemao_pesbr joga PES desde 2006, mas só nos últimos temos tem participado de torneios no exterior: “em meu primeiro ano consegui vaga para o WESG e estou garantido no mundial de PES 2019 no modo Co-Op com minha equipe, EligaSul Stars”.

Para alemao_pesbr, o WESG até o momento foi bem difícil, com muitos jogadores de qualidade: “todos que conseguiram uma vaga na próxima fase tiveram dificuldade em certo ponto. Até mesmo Ettorito, atual campeão mundial de PES, se classificou em segundo de seu grupo. Infelizmente o FMestre12 não conseguiu uma vaga. Era nosso objetivo irmos juntos o mais longe possível”.

O jogador da EligaSul Stars falou sobre a preparação para o WESG: “treinamos por duas semanas para este torneio, recebi muita ajuda do Guifera. Está dando resultado até o momento. Agora, quem vier será um adversário complicado”. O jogador disputa as quartas de final nesta quarta-feira (13).

Ele também falou sobre o formato de disputa do WESG: “ fomos pegos de surpresa por não jogar no modo PES League. Fiquei meio perdido quanto time que jogaria”.

FICOU NA FASE DE GRUPOS

Já FMestre12, atleta do Corinthians, a avaliação de seu desempenho no torneio não foi positiva: “acho que foi ruim, não há o que reclamar. Acabei tropeçando em partidas que podia ter saído com a vitória, contra adversário teoricamente acessíveis. Estou decepcionado, pois queria ter passado ao menos de fase, mas é ‘bola para frente’, pois há outros torneios a se disputar”.

FMestre12 também falou sobre a mudança repentina de formato e que já está focado no futuro: “ficamos sabendo pouco tempo antes que não jogaríamos com times no formato PES League, com opções restritas. É um formato diferente do que estamos acostumados. Paciência. Treinarei mais para o ano que vem estar aqui outra vez, além de disputar o mundial de PES 2019 em julho.

* A jornalista viajou a convite da WESG.