<
>

Superando desfalque e Keen na decisão, TNC é bicampeão da WESG de Dota 2

TNC conquista o segundo título da WESG de Dota 2 WESG

Carlo "Kuku" Palad parece não ter feito falta ao TNC Predator no torneio de Dota 2 promovido pela World Electronic Sports Games. Banido de competições organizadas na China por ter sido ofensivo contra o país em novembro de 2018, o capitão viu de casa a equipe conquistar o campeonato após derrotar a Keen Gaming na decisão.

Se não fossem os dois empates durante a Fase de Grupos, contra The Final Tribe e White-Off, a campanha do TNC na WESG teria sido perfeita. Isso porque a equipe disputou, ao todo, oito séries e não sofreu uma só derrota.

Com Marc Polo Luis "Raven" Fausto sendo o substituo, o TNC pelo Grupo C derrotando os chineses do Room310 por 2 a 0. Pelo mesmo placar, ainda no dia de abertura, o time venceu também os jordanianos do Fate Esports.

A equipe só foi encontrar dificuldades no segundo dia da Fase de Grupos. Logo no compromisso inicial, empate contra os suecos do The Final Tribe. Mesmo placar para o duelo contra os russos do White-Off. Vitória somente contra os americanos do Team Team, que garantiu a primeira colocação da chave.

A caminhada do TNC no mata-mata até o degrau mais alto do pódio foi tranquila. A primeira vítima da equipe foi o brasileiro Team Canarinho, nas oitavas de final. Pelo mesmo placar o time superou o White-Off nas semifinais e não deu chance para a Keen Gaming, na decisão.

O título da WESG não é inédito para o TNC. Em 2016, a equipe também com uma formação composta por jogadores filipinos, entre eles Raven, venceu a primeira edição do evento após derrotar os dinamarqueses da Cloud9 na grande final.

Assim como na conquista anterior, o segundo título da WESG rendeu ao TNC o satisfatório prêmio de US$ 500 mil.