<
>

Luminosity perde para Ghost na seletiva americana e não avança para IEM Sydney de CS

Hen1 e os companheiros não conseguiram se classificar para o IEM Sydney Adela Sznajder/DreamHack

O Brasil só terá uma representante na edição deste ano do torneio de Counter-Strike: Global Offensive que será disputado no IEM Sydney. Isso porque a Luminosity Gaming (LG) não conseguiu se classificar para a competição via seletiva americana, finalizada nessa sexta-feira (8) com a Swole Patrol ficando com o título.

Convidada, a Luminosity entrou no classificatório já na fase final. A equipe liderada por Lucas "steel" Lopes estreou com derrota para a america eUnited por 2 a 0 (16 a 19 na Mirage e 6 a 16 na Inferno).

O revés jogou a LG para a tabela inferior. Lá, a equipe até esboçou uma reação que começou com o triunfo sobre Bad News Bears (16 a 14 na Dust II e 16 a 13 na Cache) e ganhou força após o quinteto brasileiro superar a compLexity por 2 a 1 (16 a 9 na Mirage, 14 a 16 na Cache e 16 a 13 na Overpass).

No terceiro compromisso da lower, contudo, a Luminosity acabou perdendo mais uma vez, agora para a Ghost Gaming por 2 a 1. O time norte-americano abriu a série em 16 a 7 na Overpass, mas viu os brasileiro empatando com 16 a 14 na Train. Na Inferno, contudo, a LG foi superada novamente, perdendo por 16 a 9.

A Luminosity não foi a única equipe brasileira que tentou a sorte na seletiva norte-americana para o IEM Sydney. Team oNe e INTZ disputaram os dois pré-classificatórios mas em nenhum deles conseguiram avançar para a parte final.

IEM SYDNEY

A edição deste ano do IEM Sydney está prevista para ser disputada de 30 de abril a 5 de maio na Austrália. Com a premiação de US$ 250 mil, a competição contará com a presença de 16 equipes. Cinco das participantes já são conhecidas: as convidadas FaZe Clan, MIBR e Renegades, e as classificadas BIG e Swole Patrol

Dos 16 times que vão disputar o torneio, nove serão convidados pelo comitê organizador. As demais vagas serão distribuídas em seletivas na América do Norte (1), Ásia (2), China (1), Europa (1) e Oceania (2).