<
>

Campeão Mundial em 2015, MariN anuncia aposentadoria do competitivo de LoL

MariN em sua passagem pela SK Telecom T1. Reprodução

Campeão mundial em 2015, o sul-coreano Jang “MaRin” Gyeong-hwan anunciou sua aposentadoria no último final de semana em uma de suas transmissões ao vivo.

Considerado um dos melhores topos do mundo em seu ápice, MariN entrou no competitivo em 2013 em uma equipe secundária da SK Telecom T1. Em novembro de 2014, a nova regra da LCK forçou a fusão dos dois times da SKT, e MariN entrou na nova escalação como titular após a saída de Jung "Impact" Eon-yeong.

Seu período na SKT em 2015 foi o mais vitorioso de sua carreira. Com o time, MariN conquistou a pré-temporada do Spring Split da LCK, o próprio Spring Split, o segundo lugar no MSI, o Summer Split e, por fim, o Mundial de League of Legends.

Após conquistar o campeonato mais importante do competitivo, MariN decidiu tentar a sorte na China, onde foi jogar pela LGD durante o ano de 2016. Sem conseguir alcançar os mesmos resultados de antes, o topo voltou para a Coreia do Sul e disputou o competitivo de 2017 pela Afreeca Freecs, mas também “morreu na praia”.

Em 2018, fez uma nova tentativa de jogar na China pela Topsports Gaming, onde ficou em 7ª e 3ª colocação na LPL Spring e Summer, respectivamente.

Segundo o site Inven Global, MariN afirmou em sua transmissão que pensou sobre o caso e que acredita ser difícil continuar em seu caminho como profissional. “Embora eu tenha recebido diversas ofertas para ser um treinador durante meu período de pausa, não tenho intenções de ser um treinados. Utilizarei o tempo livre que tenho agora para decidir o que quero ser, se eu não serei mais um jogador profissional”, disse.