<
>

"O reencontro com a Redemption foi sem sal", crava Matsukaze

Pedro "Matsukaze" Gama, atirador da paiN Gaming. Riot Games

Na última sexta-feira (30), a Superliga viu o início de sua quarta e penúltima semana da fase regular. E enquanto muitos fãs esperavam um reencontro emocionante entre paiN Gaming e Redemption, que protagonizaram a final do Circuito Desafiante, o que ocorreu não foi tão emocionante.

Por conta de um atraso da Redemption, que também atrasou a transmissão, a equipe acabou perdendo uma das partidas da melhor de 3 por W.O. Assim, a série teve apenas dois jogos, ambos um tanto quanto ruins se analisados tecnicamente (em boa parte por conta da mudança do meta) e terminou em 2 a 1 para a paiN.

Em conversa com o ESPN Esports Brasil após a série, o atirador Pedro “Matsukaze” Gama afirma que o reencontro com a Redemption “foi sem sal”. “Fiquei triste pelo W.O. porque eu queria ter jogado a terceira partida. Nosso primeiro jogo foi muito ruim em questão de draft, pois não fizemos escolhas que eram nosso forte, então queria uma terceira partida de verdade”, revela.

No entanto, apesar de não considerar a série como uma revanche pela final do Desafiante, Matsukaze afirma que é “sempre legal jogar contra a Redemption”. “Eles são um time bom em conjunto e é sempre legal jogar contra eles. Ao lado da INTZ, a equipe era considerada nossa principal adversária, e por isso eu gostaria de ter tido uma terceira partida de verdade, para mostrar nossa força”, explica.

O atirador comentou também que, mesmo tendo vencido a série, o time sabe que precisa melhorar bastante para o próximo confronto, que será contra a INTZ na última semana do campeonato - e ambas as equipes estão invictas.

“Precisamos ter conversas melhores sobre o que vamos usar, e precisamos usar nossas forças e fazer o nosso, olhar mais para a gente do que para o adversário”, afirma Matsukaze. “Mas essa semana esperamos que seja mais tranquilo de treinar, porque já estamos adaptados ao patch novo, que apesar de não ter sofrido muitas mudanças em questão de escolhas, sofreu mudanças na economia e velocidade do jogo.

Por fim, garante: “Na próxima semana, estaremos mais preparados”.

A paiN enfrenta a INTZ pela última semana da fase regular da Superliga na sexta-feira (7), às 18h.