<
>

KaBuM desbanca Flamengo e fecha 2018 com dois títulos do CBLoL

KaBuM conquista mais um título de CBLoL e vai representar o Brasil no Mundial Riot Games

Se o título da primeira etapa foi a redenção da organização após o rebaixamento que sofreu no início de 2017, a conquista da segunda etapa do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) serviu para reafirmar que a KaBuM é, sim, uma das potências do cenário nacional.

Neste sábado (8), após bater de virada o Flamengo eSports por 3 a 2, o clube de Limeira conquistou o terceiro título nacional e o direito de representar o Brasil na edição deste ano do Campeonato Mundial.

FLAMENGO 2 - 3 KABUM

A primeira partida da grande final começou morna, com as duas equipes se estudando bastante. O First Blood aconteceu aos sete minutos, após uma ótima emboscada de Shrimp na rota superior. Minutos depois, numa jogada parecida, o Flamengo conseguiu abater mais um oponente, agora na rota inferior.

As eliminações iniciais aumentaram a confiança do Rubro-Negro que decidiu acelerar a partida. As coisas iam dando certo até o Flamengo errar uma iniciação na rota do meio, que colocou a KaBuM de volta no jogo. O clube carioca voltou a dominar os Alaranjados ao conseguir vencer uma importante luta perto do covil do Barão e, de quebra, ficar com o bônus. Isso deu a força necessária para o time conseguir fechar a partir e abrir o placar da série.

As ações começaram mais cedo no segundo jogo, com o Flamengo novamente ficando com o First Blood, após um grande duelo entre as duplas da reta inferior. Mas a resposta da KaBuM não demorou, com os Alaranjados abatendo esA na mesma parte do mapa. Desta vez foi a equipe que conseguiu sair da fase de rotas na vantagem.

Se na primeira partida a equipe teve uma exibição aquém do esperado, na segunda a KaBuM foi quem ditou o ritmo. Rotacionando e lutando melhor, os Alaranjados iam destruindo as torres do Flamengo e conquistando outros objetivos. O time de Limeira não deu brechas para o Rubro-Negro voltar ao jogo, conseguindo empatar a série após vencer uma grande luta na rota inferior.

A terceira partida começou com a KaBuM dando as primeiras cartas. A equipe conseguiu o First Blood após uma movimentação contestável de Shrimp pela parte de cima do mapa. O jogador fo Flamengo acabou sendo pego. Poucos minutos depois os Alaranjados conseguiram outra eliminação, mas agora na rota inferior.

Mais uma vez a KaBuM conseguiu ditar o ritmo da partida. Rotacionando melhor, a equipe conseguiu destruir muitas das torres do Flamengo, O Rubro-Negro, contudo, não deixou o oponente abrir uma vantagem inalcançável. A parte final do jogo tomou proporções épicas, com as duas equipes dando tudo de ci a cada luta, a cada avanço. Mostra disso foi a roubada de Barão feita parte do clube carioca.

A KaBuM colocou a mão na vitória após ser superior numa grande luta entre as equipes na rota central. O triunfo rendeu duas equipes um inibidor e os bônus de Barão e Dragão Ancião. Foi o necessário para o time conseguir destruir toda a base adversária e fazer 2 a 1 na série

Sangrento. Assim podemos resumir o início da quarta e penúltima partida da série entre Flamengo e KaBuM. O First Blood saiu no confronto um contra um entre os topos na partie superior do mapa e que ficou a favor dos Rubro-Negros. Os Alaranjados responderam rapidamente na rota inferior, com TitaN conseguiu eliminar brTT e esA. Mas o clube carioca voltou a ficar a frente no placar de abates após conseguir quatro eliminações em sequência.

A vontade da KaBuM era tanta que, de muita afobação, a equipe cometeu uma série de erros em sequência. Esperto, o Flamengo aproveitou todas as brechas e se consolidou na liderança do jogo. O Rubro-Negro colocou a mão na vitória após vencer uma importante luta no rio, que rendeu ao time ainda o Barão. Em posse do principal bônus do jogo, a equipe voltou a deixar a série empatada.

A KaBuM começou o quinto jogo invadindo a selva do Flamengo para obter visão dos adversários. Alguns minutos depois aconteceu o First Blood, a favor do Flamengo, numa execução fora de hora feita por Ranger em cima de Goku. Numa ótima emboscada na rota inferior, o meio conquistou outra eliminação e o brTT ficou com outra. O Rubro-Negro abriu certa vantagem sobre os Alaranjados após vencer uma importante luta na rota central.

A virada de cenário aconteceu após a KaBuM se recuperar numa importante luta no rio. O Flamengo saiu na frente conseguindo emboscar TitaN na rota superior. Mas vendo que os adversários estavam fora de posição, os Alaranjados foram pra cima e terminaram na vantagem, conseguindo ainda conquistar o Barão. O Rubro-Negro até tentou responder, mas foi insuficiente. A KaBuM conseguiu fechar o placar em 3 a 2.