<
>

Houston Outlaws varre Shanghai e Dynasty defende sua invencibilidade com qualidade

Seoul Dynasty mostrou mais uma vez sua força, agora contra o Florida Mayhem Divulgação/Blizzard Entertainment

A Semana 2 do Overwatch League foi aberta com a primeira vitória do Houston Outlaws, a força da Seoul Dynasty e a vitória um pouco mais apertada do Philadelphia Fusion.

Houston Outlaws 4 - Shanghai Dragons 0

O Houston Outlaws conquistou sua primeira vitória na Overwatch League com um esmagador 4-0 sobre o Shanghai Dragons na noite desta quarta-feira, 17 de janeiro, na Blizzard Esports Arena em Burbank, Califórnia.

Ambas as equipes estavam em baixa após a primeira semana da Overwatch League, demolidas por equipes mais fortes, mas o Houston aprendeu com seus erros. Todo mapa da série foi uma prova da força do time do Outlaws: 3 a 0 em Junkertown, 2 a 1 em Horizon, com quatro minutos ainda a serem disputados, 2 a 0 em Oasis e 3 a 1 em Numbani. Os números simplesmente falam por si.

Os jogadores Jiri "Linkzr" Masalin e Jacob "Jake" Lyon lideraram a força do Outlaws. Em particular, o Roadhog controlado por Jake em Junkertown foi mágico, mas todos os jogadores do Outlaws tiveram sua participação na série.

Shanghai, por outro lado, tem um enorme problema em termos de planejamento e abordagem para cada mapa, já que muitas de suas composições de equipe eram pouco funcionais, e o Houston abusou da vulnerabilidade do time chinês em seu tank para a carga final. Shanghai precisa reverter a situação, pois está rapidamente se tornando uma espécie de "vitória garantida" para as outras equipes da liga, a menos que possa melhorar drasticamente nas próximas semanas.

Houston terá um grande teste na quinta-feira na batalha pela supremacia do Texas contra o Dallas Fuel às 23h (horário de Brasília), enquanto Xangai tem a melhor chance de ganhar sua primeira contra o Florida Mayhem às 3h de sexta-feira para sábado (horário de Brasília).

-- Steven Nguyen

Seoul Dynasty 4 - Florida Mayhem 0

Seoul Dynasty manteve sua invencibilidade na Overwatch League ao derrotar o Florida Mayhem em uma vitória convincente de 4 a 0 na quarta-feira na Arena Blizzard Esports.

O Florida entrou nesta partida com uma pontuação de 0-2 na semana 1. Ao enfrentar o favorito para conquistar a liga, ninguém esperava milagres. Felizmente para o Florida, seu desempenho não foi tão desequilibrado quanto o esperado. Os DPSs da Mayhem, Kevyn "TivQ" Lindström e Andreas "Logix" Berghmans, foram capazes de fazer uma forte pressão em toda série. Todos os mapas, com exceção do Oasis, foram conquistados sem a necessidade de tempo extra, dando ao Seoul Dynasty a única oportunidade mais complicada para sair com a vitória.

No entanto, Logix tem um problema de consistência, e o resto do Mayhem não parece estar coordenado. Com o apoio adicionados à economia geral de Seoul, o time sul-coreano sempre teve uma vantagem quando se tratava de teamfights.

Todos os jogadores em Seoul tiveram um bom desempenho, sendo que alguns atletas estiveram na bancada pela primeira vez, incluindo o flex Moon "Gido" Gi-do no primeiro mapa de Numbani, que mostrou um sólido Zenyatta. No final, uma derrota por 4 a 0 diz muito sobre quanto de trabalho o Mayhem precisa para se tornar uma equipe forte. No contexto de mapas, a melhora necessária não está muito longe do alcance, enquanto a Dynasty simplesmente conquistou outra vitória conforme esperado.

Seoul dará prosseguimento a sua marcha na Overwatch League contra o Boston Uprising às 1h de sexta-feira para sábado (horário de Brasília). Enquanto isso, o Florida tem outra chance de redenção no mesmo dia contra os Shanghai Dragons às 3h (horário de Brasília).

-- Steven Nguyen

Philadelphia Fusion 2 - San Francisco Shock 1

O San Francisco Shock lutou para começar bem a Semana 2 da Overwatch League, mas o Philadelphia Fusion conquistou a vitória por 2 a 1 na Blizzard Esports Arena.

San Francisco jogou bem no início do jogo 1, dominando Dorado com uma inteligente ação defensiva contra avanços. Uma proteção total no ponto A foi difícil de alcançar, especialmente contra os bons avanços do Philadelphia, mas boas leituras e reações de San Francisco lhe deram uma vitória confortável, um sinal que sua primeira série de vitórias do ano poderia acontecer. Infelizmente para o Shock, este seria o seu único destaque do dia, já que o Fusion se vingou.

O núcleo de DPS do Philadelphia jogou bem ao longo da série, se revezando para assumir o a linha de frente, mas tiveram ajuda de Gael "Poko" Gouzerch. A habilidade de Poko em usar a autodestruição de D.Va para obter matanças consistentes foi surpreendente, muitas vezes pegando pelo menos dois abates na linha mal-posicionada da retaguarda de San Francisco. Quando Poko não explodia o Shock, a Tracer e a Widowmaker de Jae-hyeok "Carpe" Lee surgiam, particularmente em Eichenwalde, onde Carpe teve em uma série de abates defendendo o ponto do castelo no mapa.

Se ele não estivesse em ação, era George "ShaDowBurn" Gushcha, no comando de Pharah ou Genji, que conseguia abates, com uma série de 15 alvos para levar o Fusion a uma vitória no jogo 2 no Templo de Anubis. Embora o Shock tenha lutado melhor do que na semana 1, não foi suficiente para derrotar o Fusion na vitória por 2-1.

O Philadelphia Fusion fecha a semana ao enfrentar o Los Angeles Gladiators às 3h de quinta para sexta-feira (horário de Brasília). Já o San Francisco Shock termina a semana no domingo em uma partida contra o Boston Uprising às 13h (horário de Brasília).

-- Noah Waltzer