<
>

PaiN confirma participação em 'ex-major' de Dota 2

paiN Gaming disputou o minor Captain's Draft 4.0 no início de janeiro, mas foi eliminada nas quartas de final Reprodução/paiN Gaming

Apesar dos recentes problemas envolvendo o Galaxy Battles II, a paiN Gaming confirmou que ainda disputará o torneio.

"Ter a oportunidade de representar o Brasil e toda a América Latina em torneios internacionais sempre será algo incrível e a paiN não pode perder essa oportunidade", afirmou a organização em comunicado oficial.

O Galaxy Battles II seria o primeiro major do Dota Pro Circuit em 2018. Entretanto, a competição perdeu seu status de major na última semana após a Valve considerar que as regulamentações para a entrada de jogadores de esport nas Filipinas configuravam quebra da privacidade.

Sem um elenco fechado e em antecipação ao major, a paiN anunciou Omar "w33" Aliwi como jogador temporário da equipe para o torneio ainda no final de dezembro.

SEM STATUS, SEM EQUIPES

Com a perda do status de major, veio a perda dos competidores. Dos 16 times confirmados, sete optaram por não participar do torneio. São eles: Virtus.pro, Team Secret, Team Liquid, OpTic Gaming, Newbee, Mineski e LGD.Forever Young

Além da paiN Gaming, participarão do torneio as equipes TNC Pro Tream, Team Spirit, Infamous, VGL.Thunder, Evil Geniuses e OG, que jogará com dois substitutos.

Com a premiação de US$ 1 milhão passando para US$ 500 mil, o Galaxy Battles II acontecerá de 19 a 21 de janeiro nas Filipinas.