<
>

Barreda domina etapa e Van Beveren segue líder do Dakar nas motos

Joan Barreda se despediu do Peru com chave de ouro. Na quinta etapa da 40ª edição do Rali Dakar, o espanhol foi confortavelmente o mais rápido durante o percurso de 267 km, com o tempo de 3h19min42s no último dia do evento que foi realizado inteiramente no Peru, saindo de San Juan Marcona e chegando em Arequipa.

A performance foi ainda mais impressionante se levar em consideração a diferença para o segundo colocado, Matthias Wakner, austríaco da KTM, que ficou 10min06s atrás de Barreda. Adrien Van Beveren, que assumiu a liderança geral após o quarto estágio, ficou em quinto. No entanto, o seu adversário mais próximo, Pablo Quintanilla, caiu no final do estágio e ficou mais de 14 minutos atrás, garantindo a permanência de Beveren na primeira colocação.

Nos tempos totais após cinco etapas, Van Beveren tem 14h37min40s de prova. Sua diferença para o segundo colocado, Kevin Benavides, é muito pequena, de apenas um minuto. Walkner aparece em terceiro na classificação geral, com 1min14s de desvantagem para o líder. Barreda entrou de novo na briga pelo título do Dakar e agora está a apenas 7min33s de diferença para o líder, subindo do nono para o quarto lugar.

Campeão do Dakar em 2016, Toby Price vai tentando se recuperar e, perto do fim da primeira semana de competições, foi o sétimo mais rápido da quinta etapa, à frente de Gerard Farres-Guell, também da KTM.

Nesta quinta-feira, os pilotos do Rali Dakar deixam o Peru rumo a altitude rumo à capital boliviana, La Paz, em um dia dos mais desgastantes, de 313 km cronometrados e 758 km de trecho total.