<
>

Barreda sobra nas motos no Dakar; Casale lidera nos quadriciclos

Joan Barreda sobrou na segunda etapa da 40ª edição do Rally Dakar. Neste domingo, no percurso de 267 km cronometrados na cidade de Pisco, no Peru, o espanhol tomou conta da prova e começou a abrir vantagem sobre os adversários mais próximos.

No fim do dia, Barreda abriu 2min54s de vantagem sobre Adrien Van Beveren, agora segundo colocado da Yamaha. Em terceiro, quem aparece é Matthias Walkner, já 4min24s atrás.

O quarto colocado na classificação geral é Sam Sunderland, 5min04s atrás de Barreda. O britânico liderou os trabalhos no primeiro dia do Dakar, mas não conseguiu manter o mesmo ritmo. Defendendo a KTM, o piloto foi apenas o sétimo melhor do dia. O top-5 geral se encerra com Pablo Quintanilla, 5min44s atrás.

Peugeot se recupera no segundo dia do Dakar e assume liderança

Nos quadriciclos, nada de grandes mudanças. Ignacio Casale largou da liderança, de onde não saiu mais. Mas a vantagem ainda não é confortável: são 43s de vantagem sobre Sergei Kariakin. Gastón González é o terceiro, mas já 3min54s atrás. Pablo Copetti e Kess Koolen completam o top-5 da classificação geral, mas respectivamente 8min52s e 10min03s atrás.

Os pilotos voltam a correr nesta segunda-feira, ainda no Peru no terceiro dia. O Rally parte de Pisco para San Juan de Marcona e os pilotos terão pela frente um percurso de 296 km de trecho cronometrado.