<
>

De olho em Tóquio, Ana Marcela Cunha conquista a prata na etapa de Seicheles do Circuito Mundial de Maratona Aquática

Getty Images

Três meses depois de vencer a abertura do Circuito Mundial de Maratona Aquática, em Doha, no Catar, a brasileira Ana Marcela Cunha voltou a nadar neste domingo (12) e conquistou a medalha de prata na prova dos 10 quilômetros da etapa de Seicheles. A nadadora busca seu quinto título na competição.

Ana Marcela completou a prova em 2 horas, 1 minuto e 34 segundos, logo atrás da italiana Arianna Bride, que levou o ouro com 2 horas, 1 minuto e 33 segundos.

“Foi por um detalhe ali na chegada, foi bem no toque. Mas eu estou muito feliz, foi uma prova bem nadada”, disse a atleta, com exclusividade para espnW, logo depois da competição.

Uma das nadadoras eleitas pela CBDA (Confederação Brasileira de Desportos Aquáticos) para representar o Brasil no Mundial de Gwangju, na Coreia do Sul, Ana Marcela agora está focada na competição, que vale vaga para os Jogos de Tóquio 2020.

“O resultado em Seicheles me trouxe confiança para chegar bem no Mundial e conquistar uma vaga para os Jogos Olímpicos”, disse a baiana que, embora tenha uma carreira vitoriosa, ainda não ganhou uma medalha em olimpíadas.

Outra medalha inédita que Ana Marcela quer conquistar é a do Pan-Americano. Em 2015, a atleta ficou de fora dos Jogos de Toronto porque a seletiva para os jogos olímpicos daquele ano foi realizada quase simultaneamente.

Na edição de Lima, que acontece de 26 de julho a 11 de agosto, a baiana espera chegar em boas condições para brigar pelo ouro inédito.