<
>

Final do Paulistão: são-paulinas e corintianas se unem para assistir à final com segurança

A final do Paulistão 2019 vai ser marcada pela forte rivalidade entre São Paulo e Corinthians em campo, mas fora dele dois grupos de torcedoras, uma de cada time, se uniu em nome de um objetivo em comum: a inclusão e a segurança das mulheres nos estádios.

Torcedoras de Corinthians e São Paulo vão reunir mulheres para irem juntas ao Morumbi neste domingo, dia 14, para assistir ao clássico. Elas acreditam que juntas vão se sentir mais seguras não só no estádio, mas no caminho até lá e principalmente na volta para casa.

O São Pra Elas, do São Paulo e o Movimento Alvinegras, do Corinthians, criaram grupos no whatsapp e nas redes sociais para organizar os encontros. Além de reunir para assistir aos jogos, as torcedoras monitoram a chegada de todas em casa, mesmo das que moram fora da capital.

"A importância desses movimentos é para a gente se sentir confortável, segura, que ali é nosso lugar, sabendo que a gente tem pra quem dar a mão quando precisar. E mostrar que nós estamos ali pelo mesmo motivo que os homens. Conseguimos olhar umas pras outras como se fosse uma família mesmo", contou Raiane, uma das criadoras do movimento São Pra Elas, ao Dibradoras.

Tatiane, do Movimento Alvinegras, conta que muitas meninas nunca tinham ido ao estádio antes de entrar no grupo. "Com o movimento, descobrimos que muitas meninas, tinham medo, foram assediadas, tiveram direito de ir e vir prejudicados. E isso nos fez aprender a questão da sororidade, se colocar no lugar da outra e apoiar mulheres. Temos aprendido muito sobre isso como criar vínculos na arquibancada é legal e é importante.", disse.

A partida deste domingo entre São Paulo e Corinthians é a primeira da final do Campeonato Paulista de 2019.