<
>

Conheça a menina de oito anos que já jogou com Ronaldinho e Falcão e tem quase 100 mil seguidores nas redes sociais

Ariana correndo para o abraço de Falcão durante o Legends Games - Edição Brasil. Marcos Milozzi

“Fenômeno” foi como Ronaldinho Gaúcho se dirigiu a ela quando jogaram lado a lado. Sim, Ariana dos Santos jogou no time do “Bruxo” durante o Legends Game Edição Brasil, em dezembro. Além dele, ela também teve a oportunidade de driblar com Falcão e Denílson. A pequena craque foi convidada a participar do evento através de um aplicativo e entrou na quadra do Ginásio do Ibirapuera junto com muitas personalidades.

Aos oito anos, Ariana tem dedicado ao futebol e mora nos Estados Unidos, seu país natal. Filha de pai brasileiro e mãe americana, David e Hollie ajudam a filha a alcançar seu objetivo e movimentam suas redes sociais, por onde já conquistou muitos fãs e já chega a quase 100 mil seguidores. Seus dribles chamam muito a atenção e, não à toa, ela já acumula grandes feitos em sua carreira.

Ela já conheceu a Seleção feminina de futebol e recebeu uma carta de Marta. Também já participou do talk show americano apresentado por Steve Harvey e, em uma de suas participações, recebeu um vídeo e uma camiseta autografada de Neymar, que considera seu maior ídolo no futebol. Ela também já teve a oportunidade de conhecer o centro de treinamento do Barcelona.

O incentivo de jogar futebol veio do pai, que é treinador em uma escolinha em Kansas City, Missouri, onde mora com a família. No quintal de casa, David construiu um campinho para que ela possa treinar quando não está no KCSG, time onde ela joga nos Estados Unidos.

E apesar da pouca idade, Ariana parece muito convicta do que quer para sua vida e pretende seguir. Para Falcão, que recentemente se anunciou sua aposentadoria do futsal aos 41 anos, o futebol feminino é uma realidade, mas o que falta é visão, perspectiva e incentivo. “Essas meninas estarem aqui [no Legends Game] é um incentivo muito grande para que grandes clubes deem espaço para elas” – disse a ESPN. “Elas mostraram que isso tem que acontecer. Fiquei muito feliz em ver duas meninas brincando com a gente”, referiu-se Falcão a Ariana e Isabelle Garcia, que também jogou com os craques em dezembro.

Para Ariana, o evento foi o melhor dia de sua vida: “Sem dúvida nenhuma foi o melhor dia da minha vida! Jogar ao lado de Ronaldinho Gaúcho, uma lenda do futebol mundial e ainda ser chamada por ele de fenômeno, foi uma emoção indescritível”, disse a pequena craque, que citou também outras lendas: "Até agora não acredito ainda que pude jogar com ele, Falcão, Denílson, além de todos outros craques que estiveram no jogo”.

Depois de ter aproveitado o final de ano com a família, Ariana está pronta para voltar aos treinos, visando a temporada de 2019. Seu objetivo é manter o alto nível e representar cada vez mais o futebol feminino, que tem recebido cada vez mais incentivo e reconhecimento. E, não importa a idade, o fato é que Ariana tem servido de inspiração e representatividade para garotas mundo a fora.