<
>

Como Emilly transformou a Síndrome de Leigh da Naná em sorrisos no tatame

Natália é portadora de Síndrome de Leigh, uma síndrome que ataca o sistema nervoso central e mexe com a coordenação motora. Ela se manifesta sempre em crianças entre 3 meses e dois anos, mas pode raramente afetar adultos acima de 30 anos. Apesar de não ter cura, a síndrome pode ser controlada com fisioterapia e remédio. Emilly, faixa marrom de jiu-jitsu a levou para o tatame e a vida dela mudou.

Veja o post da Mayara Munhos de hoje, clicando aqui.