<
>

No Troféu Brasil, representantes para Assembleia da CBAt são eleitos

A Confederação Brasileira de Atletismo aproveitou o Troféu Brasil, neste domingo, para eleger os representantes de atletas, treinadores e árbitros. Eles serão membros com direito a voz e voto na Assembleia Geral da Confederação, no período 2019-2021. Segundo a entidade, a próxima votação acontece somente no evento de 2020, para que os eleitos assumam em abril de 2021.

“Era um desejo da comunidade que todos os segmentos do esporte fossem ainda mais representados em nossa Assembleia”, destacou o presidente da CBAt, Warlindo Carneiro da Silva Filho. “Tínhamos 16 atletas, além de representantes dos treinadores e árbitros”.

Agora, a Assembleia ganhou outros nove atletas, sendo cinco homens e quatro mulheres, dois treinadores e dois árbitros. Na luta entre os técnicos, o eleito foi Clodoaldo do Carmo, que acumulou 38 votos. Tânia Moura recebeu 32. Entre os árbitros Florenilson Itacaramby de Almeida foi eleito com 47 votos. Cleberson Yamada teve 31 votos e Alexandro de Jesus Lopes, 19. No feminino, por sua vez, Claudia Schnek de Jesus foi eleita com 38 votos.

Gladson Barbosa (61 votos), Sandro Viana (59), Diogo Dias Gamboa (54), Hederson Estefani (45) e Paulo Roberto de Paula (36) foram os representantes dos atletas eleitos. Entre as mulheres, entraram Joana Costa (74 votos), Eloah Scramin (59), Kauíza Venâncio (53) e Wanessa Taciana do Nascimento Zavolski. Na votação dos atletas, cada eleitor podia votar em até cinco candidatos,