<
>

Chelsea: Kepa Arrizabalaga ama pássaros, 'escapou' de Zidane e se recusou a ser substituído

Na derrota do Chelsea para o Manchester City na final da Copa da Liga Inglesa ocorreu um fato inusitado: a discussão entre Maurizio Sarri e o goleiro Kepa, que se negou a deixar o campo para a entrada de Caballero, nos minutos finais da prorrogação.

O arqueiro espanhol decidiu permanecer no gramado de Wembley mesmo depois de sentir câimbras nas pernas. Ele ainda defendeu uma penalidade, mas não evitou o revés por 4 a 3 para o time comanddo por Pep Guardiola.

Contratado do Athletic Bilbao por 80 milhões de euros, ele é o goleiro mais caro da história.

Nascido em Ondarroa, município da Espanha na província da Biscaia, Kepa entrou na escola de futebol do Athletic aos 9 anos. Aos poucos, foi participando de partidas no time B do Bilbao e ganhando reconhecimento internacional na base. E mais: Arrizabalaga chegou a impressionar como um jogador de linha, marcando dois gols em um duelo do sub-14.

Em 2015, Kepa foi emprestado ao Ponferradina, time da segunda divisão espanhola, e participou da boa campanha da equipe no campeonato. Antes de voltar ao Bilbao para a temporada 2016/2017, ainda entrou em ação 40 vezes com a camisa do Real Valladolid.

O goleiro fez a sua estreia no Athletic sem tomar gols, em uma vitória por 1 a 0 sobre o Deportivo La Coruña. Depois, participou de mais 20 partidas na temporada, que terminou com ele representando a Espanha no European Under-21 Championship (torneio sub-21 da Europa).

NÚMEROS ELOGIÁVEIS

Mas foi na última temporada com a camisa do clube espanhol que Kepa realmente chamou atenção. Com grandes atuações e elogios de todas as partes, o jovem foi o terceiro goleiro com mais defesas da LaLiga 2017/2018. Além disso, ficou com o recorde de maior número de passes longos na competição, com 368.

Desde sua primeira aparição no Athletic em 2016, o arqueiro fez mais de 50 jogos pelo clube e foi incluído na seleção espanhola que disputou a Copa do Mundo na Rússia.

"VETO" DE ZIDANE

Kepa poderia ter jogado no Real Madrid. Mas Zinédine Zidane não quis. O Marca, jornal esportivo espanhol, chegou a escrever a seguinte manchete: "Um erro que vai assombrar Zidane". Será?

O "erro" citado no título do diário tem a ver com a decisão do treinador francês em janeiro de 2018, quando ele avisou que não precisava da contratação do goleiro do Athletic Bilbao.

Na época, a transferência custaria cerca de 18 milhões de libras (R$ 87,500 milhões) ao Real Madrid e estava tão próxima de ser concretizada que o goleiro de 23 anos chegou até a passar por exames médicos. Mas, ainda assim, Zidane seguiu vetando a chegada do espanhol.

"O Kepa é muito talentoso", admitiu Zidane, que deixou o comando do Real em maio após a conquista da última da Champions League. "Mas eu não queria um goleiro no meio da temporada. Não me arrependo de ter descartado a contratação", explicou.

O valor de transferência de Kepa quadruplicou 7 meses depois: de R$ 87,500 milhões para R$ 348 milhões, preço pago pelo Chelsea para fechar com a revelação espanhola.

PAIXÃO POR PÁSSAROS

O goleiro do Chelsea tem um hobby diferente. Em Ondarroa, sua cidade natal, Kepa dividia o futebol com outra paixão de infância: os pássaros. Ao lado do pai, ele saia para pegar goldfinches (pintassilgo-americano ou canário selvagem), que eram treinados para cantar. E as "crias" da família eram muita boas. Os bichinhos do goleiro, Oker, Rocky e Raikkonen, chegaram até a ganhar competições.

SUBSTITUTO DE COURTOIS

Além de ter se tornado o arqueiro mais valioso de todos os tempos, a transferência de Kepa também foi a mais alta da história dos Blues, deixando os 75 milhões de euros pagos ao Real Madrid por Alvaro Morata para trás.

E a chegada do jovem espanhol só foi confirmada após a oficialização de Thibaut Courtois no Real Madrid. Insatisfeito, o belga até faltou em alguns treinos para forçar uma transferência para o Real Madrid, o que acabou se confirmando.