<
>

Brasil não sai do empate com o Equador e fica longe do Mundial Sub-20

Jogadores do Brasil lamentam emapte contra o Equador. Getty Images

A seleção brasileira viu suas chances de disputar o Mundial Sub-20 diminuírem significativamente na noite desta quinta-feira. Em mais uma atuação decepcionante no Chile, com o santista Rodrygo apagado, o time canarinho ficou no empate em 0 a 0 contra o Equador.

Com míseros dois pontos, o Brasil ocupa a quinta colocação do hexagonal e, como apenas os quatro primeiros disputarão o Mundial, depende de uma combinação de resultados para se classificar. O Equador, com sete pontos, figura na vice-liderança. Se a Venezuela ganhar da Colômbia nesta quinta, a Seleção já está fora.

Pela quinta e última rodada do hexagonal do Sul-Americano Sub-20, o Brasil volta a campo para se despedir contra a Argentina às 20h50 (de Brasília) de domingo. O Equador, por sua vez, dá adeus ao torneio contra a Venezuela a partir das 23h10 do mesmo dia.

O primeiro tempo da partida disputada em Rancagua não teve grandes emoções. Em uma rara chegada ao ataque do Brasil, Gabriel Menino tabelou com Lincoln e tocou na entrada da área para Rodrygo desperdiçar. Já o Equador chegou a marcar com Cifuentes, mas arbitragem assinalou impedimento de maneira correta.

A etapa complementar do confronto também teve poucas chances de gol. Em uma cabeçada de Espinoza após cobrança de escanteio, Espinoza chegou a acertar o travessão. Já o Brasil, incapaz de se impor, praticamente no levou perigo ao goleiro Ramirez.

Em mais uma partida disputada na noite desta quinta-feira pelo Sul-Americano, a Argentina venceu o Uruguai por 2 a 1. Com o triunfo, os ganhadores chegaram aos nove pontos e, de maneira antecipada, garantiram a primeira vaga para o Mundial da categoria.