<
>

Jô consegue feito inédito e divide artilharia com Dourado, o 'rei dos pênaltis'

play
Jô e Henrique Dourado recebem Bola de Prata pela artilharia do Brasileiro 2017 (3:02)

Com 18 gols, atacantes de Corinthians e Fluminense recebem o Prêmio ESPN Bola de Prata Sportingbet (3:02)

Umbabarauma homem gol!

Durante todo o tempo, o Campeonato Brasileiro teve dois ‘homens gol’. Nada mais justo, portanto que Jô e Henrique Dourado dividissem a honra de serem os artilheiros da competição, cada um com 18 gols marcados.

O feito de Jô é simplesmente histórico: em toda a sua história, o Corinthians nunca havia tido um goleador no Campeonato Brasileiro.

Até 2017!

Jô brilhou no comando de ataque e consolidou o sonho de quebrar essa marca para o seu clube de coração.

Já Henrique Dourado se consagrou ainda mais como o ‘rei dos pênaltis’ no Brasil. Foram sete na competição, todos convertidos brilhantemente.

E coroa assim a ótima temporada que fez, sendo o jogador mais consistente do Fluminense durante todo o ano.

Ele só não pode dizer que fez algo inédito como o companheiro. Pelo contrário! O Flu já tinha quatro artilharias na história do Brasileirão.